quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Unesco concede título inédito para a cidade do Rio de Janeiro

 Rio de Janeiro recebe título de cidade Patrimônio Mundial da Unesco

http://www.downloadswallpapers.com/wallpapers/2012/abril/rio-de-janeiro-cristo-redentor-3638.jpg

(Blog do Rafael Oliveira - 28 de Dezembro de 2016) A Cidade Maravilhosa recebeu nesse mês de Dezembro um grande presente, principalmente para quem diz que o Rio não continua lindo. O Rio de Janeiro recebeu o título de primeira paisagem cultural urbana declarada Patrimônio Mundial. O prêmio foi concedido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Negócios: Réveillon 2016/2017

Riotur estima que turistas devem gastar US$ 691 milhões no réveillon no Rio de Janeiro


http://f504aefd21f5953438c2-8ee66da0e5b75c3f3425298ffee72f12.r66.cf2.rackcdn.com/650x190/orio_650x190_exterior04.jpg

(Blog do Rafael Oliveira - 27 de Dezembro de 2016) Há pessoas que dizem que o Rio de Janeiro gasta dinheiro investindo em Réveillon, entre outros eventos, mas apesar da crise, os investimentos tem trazido retorno milionários para o Rio. 

As comemorações para o réveillon no Rio de Janeiro devem movimentar a economia local com US$ 691 milhões. A Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro (Riotur) estimativa que 865 mil turistas cheguem só na capital fluminense para celebrar a chegada de 2017.

domingo, 25 de dezembro de 2016

Rio Nerd

Rio tem maior público do Brasil no filme "Rogue One - Uma história Star Wars" 


http://cdn.bgr.com/2016/06/darth-vader-star-wars-rogue-one.jpg?quality=98&strip=all

Fica no Rio o cinema brasileiro com o maior público no fim de semana de estreia de “Rogue One — Uma história Star Wars”. Exatamente 12,7 mil pessoas foram ao UCI do New York City Center entre os dias 15 e 18 parar assistir ao filme. Dá uma média de mais de 3 mil espectadores por dia.


Rio de Janeiro ganha Parque de Natal

Rio ganha seu primeiro Parque de Natal no Boulevard Olímpico


Como é comum na Europa, o Rio de Janeiro entra na rota de parques de Natal e abriga seu primeiro empreendimento exclusivo deste tipo no Boulevard Olímpico.

O evento começou no dia 10 desse mês e vai até o dia 28 de dezembro. O nome da produção é “Uma Aventura de Natal”, projeto da Aventura Entretenimento, dos sócios Aniela Jordan, Fernando Campos e Luiz Calainho.
http://diariodorio.com/wp-content/uploads/2016/11/uma-aventura-de-natal-horizontal_sem-barra-1024x813.jpg

Secretarias da Prefeitura 2017

Veja quem serão os secretários de Crivella para 2017


http://img.r7.com/images/2016/10/26/x2u1h0riji1_16klwjuiu1_file,qdimensions=460x305.pagespeed.ic.YRp4XLAGbG.jpg(Blog do Rafael Oliveira - 25 de Dezembro de 2016) O prefeito eleito no Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), anunciou na última semana a lista do  secretariado de sua administração a partir do dia 1º de janeiro.

 O prefeito cumpriu uma promessa feita durante a campanha e cortou o número de secretarias pela metade – atualmente, a administração municipal conta com 24 pastas.



Porém, a filha de Anthony Garotinho (PRB), a deputada federal Clarissa Matheus, foi indicada para a secretaria de Desenvolvimento, Emprego e Inovação. Há menos de um mês, Clarissa foi expulsa do PR por votar contra a PEC do Teto dos Gastos e se filiou ao PRB, do novo prefeito.

Futuro do Parque Olímpico

Via Olímpica é transformada em grande área de lazer



http://og.infg.com.br/in/20689584-274-d3d/FT1500A/550/via-olimpica.jpg(O GLOBO - 24 DE DEZEMBRO DE 2016) O prefeito Eduardo Paes entregou nesta sexta-feira as obras da Via Olímpica, espaço dentro do Parque Olímpico que foi transformado numa grande área de lazer. Mas, por enquanto, o lugar permanecerá fechado ao público. A definição sobre o seu funcionamento ficará para o próximo prefeito, Marcelo Crivella. Durante a solenidade de inauguração, crianças e alunos de escolas públicas municipais brincaram no local.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Royalties do Rio

RJ ganhará R$ 1 bilhão por ano com novo cálculo de royalties de petróleo, diz Alerj



O governo do RJ e os municípios do estado ganharão, a partir de 2017, mais de R$ 1 bilhão com o repasse dos royaties do petróleo. Esse é o cálculo feito pelo deputado estadual Luiz Paulo (PSDB) após resolução do ministro Luiz Fux do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quinta (15), que revisou o critério para a fixação do preço mínimo do petróleo e do gás natural no RJ.
http://f.i.uol.com.br/folha/mercado/images/16039220.jpeg Por determinação do ministro Fux, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) tem até 1º de março para revisar o valor do combustível no estado. Com a medida, as petroleiras devem pagar mais com revisão dos critérios para a fixação do preço mínimo do petróleo a ser adotado no cálculo de royalties. 

"Hoje o ministro Fux está fazendo justiça com o estado e com a população fluminense. Essa decisão seguramente representa mais de R$ 1 bilhão aos cofres do Estado e dos municípios", disse o deputado Luiz Paulo.

Réveillon 16/17

Como será a festa da virada no Rio de Janeiro?

O Rio de Janeiro, capital turística e de importância brasileira, está se preparando para o encerramento de mais um ano com chave de ouro.

Réveillon do Rio é um dos principais eventos turísticos do Rio de Janeiro e deve receber 865 mil turistas que devem injetar US$ 691 milhões só nesse período. A ocupação hoteleira em Copacabana e Leme está em torno de 75,4%. Ipanema e Leblon registram 68%. Na Barra supera 80%. Vale lembrar que ainda estamos no dia 19 de Dezembro.

Haverá festas espalhadas pela cidade. Confira abaixo algumas delas:

Copacabana: Devido a crise, a festa terá alguns cortes de gastos. Nesse ano, haverá apenas um palco de shows e a queima de fogos será um pouco menor.

O show pirotécnico será assinado pela Pirotecnia Igual Brasil e terá símbolos como palmeiras, corações, margaridas e carinhas felizes. Os fogos são de origem espanhola em onze balsas no mar.


Haverá shows de Alex Cohen, DJ Mam, Leo Jaime,  Elba Ramalho, Alceu Valença e Geraldo Azevedo, além de escolas de samba.

Barra da Tijuca: Mais uma vez não haverá o espetáculo na praia, mas haverá diversos espetáculos particulares espalhados pelo bairro.

Parque Madureira: O Império Serrano vai começar a festa, com a presença de outras atrações musicais. Não há queima de fogos confirmada, mas possivelmente haverá chuva de prata.

Praia do Flamengo: Na altura da Rua Dois de Dezembro. Este ano o evento vai contar com Luiz Kiari, Vtrix, São Clemente e Salgueiro. Não há queima de fogos confirmada ainda e a festa ainda poderá ser cancelada.

Ilha do Governador: O show será na Praia da Bica, com pagode e samba.Espera-se queima de fogos.

Piscinão de Ramos: Haverá atrações como pagode e funk.

Penha: Será no IAPI da Penha, a festa terá queima de fogos, com direito a contagem regressiva. A noite começa ao som de DJ Café, Beleléu, Banda Holograma e segue animada pelo grupo Clareou e bateria da imperatriz.

Paquetá: Até mesmo Paquetá vai contar com o seu show da virada. Será na Praia da Moreninha com música eletrônica e outros ritmos.

Guaratiba e Sepetiba: A Zona Oeste também vai ter o seu próprio show, cada um com palcos. O primeiro será Praia do Recôncavo e o segundo na Rua Barros de Alarcão.

http://static1.squarespace.com/static/517e9335e4b0847823500845/517e9336e4b0847823500878/525c788de4b056c7e2a87174/1452469027725/11679038504_50332f31f8_b.jpg?format=1000w

domingo, 30 de outubro de 2016

Prefeitos do RJ para 2017

Veja a lista dos prefeitos das principais cidades do RJ para 2017


(Blog do Rafael Oliveira - 30 de Outubro de 2016) Hoje foi o dia que os fluminenses (das cidades que podem ter segundo turno e tiveram votos para isso) de irem as urnas e escolherem os representantes máximos de seus municípios para os próximos quatro anos.

O segundo turno só pode ocorrer os municípios brasileiros com mais de 200 mil eleitores nas eleições majoritárias, para prefeito e vice-prefeito. A decisão da eleição no segundo turno só ocorre quando nenhum dos candidatos alcança mais de 50% dos votos válidos no primeiro turno, excluindo os nulos e em branco.

De acordo com o resultado do primeiro turno das eleições que ocorreu dia 2 de outubro, os municípios fluminenses que terão segundo turno em 2016 são: Rio de Janeiro, Belford Roxo, Duque de Caxias, Niterói, Nova Iguaçu, Petrópolis, São Gonçalo e Volta Redonda.

http://photos.wikimapia.org/p/00/02/70/14/63_full.jpg

Como publicado na outra reportagem, o Rio terá como novo prefeito, Marcelo Crivella.

Belford Roxo escolheu Waginho (PMDB) com aproximadamente 57%, Waguinho chegou a comemorar a vitória no primeiro turno, em 2 de outubro, mas a alegria durou apenas uma semana, quando o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) validou os votos dados a Deodalto, cuja candidatura havia sido indeferida pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio (TRE-RJ).

Rogério (PR) é o novo prefeito de Nova Iguaçu com 63.91% dos votos contra 36% de Bornier (PMDB), o mesmo aconteceu em Nova Iguaçu que ocorrera em Belford Roxo, quando Rogério tinha até então os votos inválidos, na época dado a vitória a Bornier.

Em São Gonçalo, José Luiz Nanci foi eleito pelo PPS com 53% contra Dejorge do PRB com 46%. No segundo maior colégio eleitoral do estado, a disputa foi acirrada desde o primeiro turno, quando o agora prefeito eleito ficou na frente de Dejorge Patrício, do PRB, por menos de 900 votos.

Samuca Silva (PV) foi eleito em Volta Redonda com 54.60% dos voto. Ele vai estar à frente da cidade mais populosa do Sul do Rio.

Washington Reis, do PMDB, é eleito prefeito de Duque de Caxias, voltando ao cargo que saiu em 2008. 

Bernardo Rossi, do PMDB, é eleito prefeito de Petrópolis. O candidato venceu Rubens Bomtempo, com 52,65% dos votos válidos. Bernardo confirmou o favoritismo do primeiro turno. A vitória de Bernardo também traz, pela primeira vez, um candidato do PMDB ao posto mais alto da política municipal em Petrópolis.

Rodrigo Neves, do PV, é reeleito prefeito de Niterói, com  58,59% dos votos válidos. Rodrigo Neves tem 40 anos e nasceu em Niterói. Casado e pai de três filhos, ele se formou em Ciências Sociais na Universidade Federal Fluminense (UFF) e entrou na política ao se eleger vereador em 1996.  Entre suas principais propostas para o novo mandato estão a consolidação do BRT TransOceânica como principal via de mobilidade urbana da cidade, a integração com os governos estadual e federal para reduzir a criminalidade, a ampliação do número de vagas no Ensino Fundamental em horário integral e a expansão da cobertura do programa Médico de Família na cidade.

Algumas cidades importantes já haviam eleito seus candidatos no primeiro turno, como Nilópolis com Farid Abrão (PTB) com 60,10% dos votos, Mesquita que elegeu Jorge Miranda (PSDB) com 49.91%, Renato Bravo (PP) que será o prefeito de Nova Friburgo com 28.23%, Dr João (PR) com 50.90% em São João do Meriti, em Rio Bonito será Marcos Abrahão (PT do B) com 56.44%, Em Itaguai Weslei com 63% do PSB, Vilela (PMDB) com 54% em Queimados, Dr Adriano (Rede) com 39.60% em Cabo Frio, Rafael Diniz (PPS) em Campos dos Goytacazes com 55.19%, entre outros.

Crivella é o novo prefeito do RJ

 Marcelo Crivella é eleito substituto de Eduardo Paes para 2017


[Blog do Rafael Oliveira - 30 de Outubro de 2016] Marcelo Crivella (PRB) foi eleito hoje (30) o futuro prefeito do Rio de Janeiro para os próximos quatro anos. O candidato superou Marcelo Freixo (PSOL) no segundo turno, além de outros nomes conhecidos como Bolsonaro, Jandira e até Pedro Paulo (candidato do atual prefeito).

Com 99,99%  das urnas apuradas até agora, Crivella venceu com 59,37% dos votos válidos

Chamou a atenção a quantidade de absetanções. Foram 4,18% votos brancos (149.857), 15,90% votos nulos (569.501) e 26,85% de abstenções (2.033.838). Ou seja, 46.93% dos cariocas e moradores do Rio não opinaram diretamente a escolha do futuro prefeito, um número maior até mesmo que a quantidade de votos recebidos por Freixo.

"É um momento de muita emoção, principalmente pra mim, que venho tentando vencer uma eleição para prefeito e governador do Rio mais de uma vez", disse Crivella em seu primeiro discurso após a vitória. Esta foi a teceira vez que ele disputou a prefeitura do Rio.

Apesar de Eduardo Paes ter demonstrado apoio direto a Freixo, o mesmo se pronunciou no twitter pela vitória de Crivella:

"O parabenizei pela vitória, desejando a ele todo sucesso nessa honrosa função", escreveu Paes. "Me coloquei à disposição para fazermos um transição sólida e tranquila, que possa garantir a ele e sua nova equipe todas informações necessárias", afirmou.

Crivella é carioca e tem 59 anos – nasceu em 9 de outubro de 1957. Ele é engenheiro civil, é bispo licenciado da Igreja Universal e cantor gospel. Ele foi eleito senador pela primeira vez em 2002, foi ministro da Pesca e Aquicultura, cargo que ocupou com dois anos. Já foi candidato a prefeito e governador do Rio de Janeiro.

O novo prefeito assumirá o cargo a partir de 01 de Janeiro de 2017.

http://spotniks.com/wp-content/uploads/2016/10/crivella.jpg

domingo, 16 de outubro de 2016

Museu carioca recebe o Óscar dos Museus

Museu do Amanhã é eleito como o melhor da América Latina


(Blog do Rafael Oliveira - Rio de Janeiro: 16 de Outubro de 2016) O Museu do Amanhã, situado na zona portuária da Cidade Maravilhosa, levou a melhor na premiação conhecida como o "Oscar dos Museus".
http://static1.pureviagem.com.br/articles/8/24/68/8/@/176633-o-museu-do-amanha-virou-o-queridinho-d-660x0-2.jpg
O Museu do Amanhã foi eleito o melhor museu do ano na América do Sul e Central. A premiação, feita pelo britânico conhecido como o "Oscar dos Museus". No ano passado quem ganhou o prêmio foi o Gran Museo del Mundo Maya, em Mérida, no México.

O espaço carioca ficou a frente do Museo Internacional del Barroco, em Puebla, no México e o Space Caribbean, na Jamaica.

O prédio foi projeto do arquiteto espanhol Santiago Calatrava e está situado ao lado da Praça Mauá, na zona portuária da cidade.

sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Mais um shopping no Centro do Rio

Central do Brasil pode ganhar shopping


(Blog do Rafael Oliveira - 14 de Outubro de 2016) Segundo o jornal O GLOBO, um projeto de 2012 da SuperVia deve sair do papel, um novo shopping para o Rio de Janeiro. O shopping da Central do Brasil conseguiu a autorização da Iphan e um sócio (a goiana Saga) para erguer um shopping center na lendária Central do Brasil — ou, mais precisamente, nos fundos do edifício tombado.

O Shopping Central do Brasil será erguido acima das plataformas e terá dois andares (200 lojas, incluindo cinemas e um teatro). O antigo projeto previa a modernização da estação. Além da utilidade atual, terá um centro comercial de 36 mil m², hotel com 204 quartos, estacionamento e centro de convenções. Um projeto certamente excelente para os que dependem da estação todos os dias.

Além das amenidades acima, a área de embarque e desembarque será climatizada e ampliada, passando a ter 4 mil m². A cobertura das plataformas passará a ter uma cúpula de vidro e quem vai dar para ver o relógio da Central de dentro da estação.

http://www.cabecadecuia.com/files/2016/10/09/o_1auke291ragmc21du210oduig.jpg

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Eleições 2016: Prefeitura do Rio de Janeiro

Crivella tem 51% das intenções de voto contra 25% de Freixo


A pesquisa Ibope, divulgada nesta segunda-feira (10), aponta que o candidato Marcelo Crivella (PRB) tem 51% das intenções de voto na disputa pela Prefeitura do Rio de Janeiro, enquanto o candidato Marcelo Freixo (PSOL) registrou 25%.

https://2.bp.blogspot.com/-f8ul4pVa4EQ/V7zYLMAz-KI/AAAAAAAC0ro/koDw7mjZRNAWSKDu09gpb2M5u7ykeYL3gCLcB/s1600/crivella-elei%25C3%25A7%25C3%25B5es-2016-prefeito-do-rio.jpg

Segundo a pesquisa, 21% dos entrevistados declararam que vão votar em branco ou nulo. Outros 3% afirmaram não saber em quem votar.

Considerando apenas as intenções de votos válidos, que excluem brancos e nulos, Crivella tem 67%, contra 33% de Freixo. O Ibope ouviu 1.001 eleitores entre os dias 4 e 10 de outubro. A margem de erros é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

A pesquisa também avaliou a administração do atual prefeito, Eduardo Paes (PMDB). A administração é considerada regular por 38% dos entrevistados, ruim ou péssima por 34%, ótima ou boa por 26% e outros 2% não souberam ou preferiram não responder.

Crivella pretende, pelo menos em suas palavras, colocar a Guarda Municipal nas ações de policiamento comunitário, criar um programa de saúde dedicada a especialidades médicas, municipalizar 16 UPAs e construir 20 unidades novas, ele pretende ampliar o período do Bilhete Único para 3 horas e levar o BRT Transcarioca até a Ilha do Governador, também pretende criar mais vagas em creche (20 mil) e 40 mil nas pré escolas, com apoio da iniciativa privada para modernização das escolas. O candidato pretende também reduzir os atuais níveis de pobreza, aumentar os recursos anuais na saúde, obrigar os hospitais públicos a realizerem jornada noturna, aprofundar o sistema de meritocracia através do qual os professores podem ganhar salários adicionais ao final do ano, dependendo do atingimento das metas de resultado de seus alunos no IDEB, criar estacionamentos subterrâneos em locais estratégicos (Copacabana, Ipanema, Leblon, Madureira, Meier, Tijuca, Bangu, Jacarepaguá e Campo Grande), reduzir o número de radares pela cidade, reduzir o número de secretarias da cidade, criar um parque entre Bangu e Campo Grande (estilo Parque de Madureira),

Diferente que Freixo anuncia em sua propaganda política, Crivella promete que não há interesses de colocar Garotinho com cargo em seu governo. Diferente que alguns também falam, o Prefeito não tem poder para a liberação da maconha nas cidades.

Freixo já pretende, em suas palavras, criar uma empresa estatal de transportes e implementar o passe livre, fazer uma reforma tributária no governo, criar um banco municipal para subsidiar empresas, aumentar a quantidade de funcionários públicos na cidade através de um projeto de reestatização da economia, aumentar a quantidade de órgãos públicos, acabar com a lei de responsabilidade fiscal, colocar o salário do vereador igual ao de um professor, tarifa zero para transportes públicos, criar cotas de emprego para transexuais em todas as empresas, proibir a guarda municipal de usar armas de fogo, favorecer a liberação da maconha com apoio do Governo Federal, controlar o preço dos alugueis, aumentar a iluminação nas cidades para combater a violência, obrigar a escola a discutir assuntos políticos como incentivar panfletos sobre orientação sexual desde a pré-infância, entre outros, como podemos ver em seu plano de governo e no folder informativo.

terça-feira, 11 de outubro de 2016

Beltrame deixa a Secretaria de Segurança do RJ

 No Rio de Janeiro, novo secretário de Segurança toma posse na segunda-feira


http://i0.statig.com.br/bancodeimagens/48/3m/4g/483m4gw8e3if14gcu5c4n5142.jpg(IG - 11/10/2016) O delegado da Polícia Federal, Roberto Sá, será o novo secretário de Estado de Segurança do Rio de Janeiro em substituição a José Mariano Beltrame, que ficou nove anos no cargo. A indicação foi confirmada em nota divulgada pelo governo estadual. Sá, que atualmente ocupa a Subsecretaria de Planejamento e Integração Operacional, vai assumir a função na próxima segunda-feira (17).

Roberto Sá começou a carreira como cadete na Escola de Formação de Oficiais da Polícia Militar (PM). Na PM do Rio de Janeiro, foi instrutor do Batalhão de Operações Especiais (Bope), de 1989 a 1992. Ele deixou a PM no posto de tenente-coronel para entrar na Polícia Federal.

O gaúcho José Mariano Baltrame, que entregou o pedido de exoneração ao governador em exercício do Rio, Francisco Dornelles, e ao governador licenciado, Luiz Fernando Pezão, deixa o cargo depois de quase dez anos. Tomou posse no início do governo Sérgio Cabral, em 2007. Nesse período, implementou as unidades de Polícia Pacificadora (UPPs), hoje instaladas em 38 comunidades com 1,5 milhão de pessoas atendidas e atuação de 9.543 policiais. O programa das UPPs começou a funcionar em 19 de dezembro de 2008, e a primeira unidade foi instalada no Morro Dona Marta, em Botafogo.

Em manifestações no Twitter da Secretaria de Segurança, Beltrame disse que a operação policial ocorrida na segunda-feira (10), em confronto com traficantes das comunidades Pavão-Pavãozinho, que levou pânico a moradores de Copacabana e Ipanema, produziu imagens péssimas para a cidade, mas ressaltou que a polícia não poderia se omitir e que, mais uma vez, cumpriu o seu papel.
Pezão


O delegado da Polícia Federal Roberto Sá será o novo secretário de Estado de Segurança do Rio de Janeiro em substituição a José Mariano Beltrame, que ficou nove anos no cargo. A indicação foi confirmada em nota divulgada pelo governo estadual. Sá, que atualmente ocupa a Subsecretaria de Planejamento e Integração Operacional, vai assumir a função na próxima segunda-feira (17).
Publicidade
Roberto Sá começou a carreira como cadete na Escola de Formação de Oficiais da Polícia Militar (PM). Na PM do Rio de Janeiro, foi instrutor do Batalhão de Operações Especiais (Bope), de 1989 a 1992. Ele deixou a PM no posto de tenente-coronel para entrar na Polícia Federal.
O gaúcho José Mariano Baltrame, que entregou o pedido de exoneração ao governador em exercício do Rio, Francisco Dornelles, e ao governador licenciado, Luiz Fernando Pezão, deixa o cargo depois de quase dez anos. Tomou posse no início do governo Sérgio Cabral, em 2007. Nesse período, implementou as unidades de Polícia Pacificadora (UPPs), hoje instaladas em 38 comunidades com 1,5 milhão de pessoas atendidas e atuação de 9.543 policiais. O programa das UPPs começou a funcionar em 19 de dezembro de 2008, e a primeira unidade foi instalada no Morro Dona Marta, em Botafogo.
Em manifestações no Twitter da Secretaria de Segurança, Beltrame disse que a operação policial ocorrida na segunda-feira (10), em confronto com traficantes das comunidades Pavão-Pavãozinho, que levou pânico a moradores de Copacabana e Ipanema, produziu imagens péssimas para a cidade, mas ressaltou que a polícia não poderia se omitir e que, mais uma vez, cumpriu o seu papel.

Pezão

Na nota divulgada pelo Palácio Guanabara, o governador licenciado, Luiz Fernando Pezão, elogiou o trabalho de Beltrame, destacando que este foi o que por mais tempo ficou no cargo de secretário de Segurança. “O Beltrame prestou serviços extraordinários à população nesses quase dez anos. Temos muito a agradecê-lo.”
Para Pezão, o novo secretário vai seguir a atual política de segurança do Rio de Janeiro. “Roberto Sá vai assumir para dar prosseguimento à nossa política de segurança, que, apesar dos problemas, teve muitos avanços, como a queda dos índices de criminalidade em áreas de UPP”, afirma.
Fonte: Último Segundo - iG @ http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2016-10-11/rio-de-janeiro.html
O delegado da Polícia Federal Roberto Sá será o novo secretário de Estado de Segurança do Rio de Janeiro em substituição a José Mariano Beltrame, que ficou nove anos no cargo. A indicação foi confirmada em nota divulgada pelo governo estadual. Sá, que atualmente ocupa a Subsecretaria de Planejamento e Integração Operacional, vai assumir a função na próxima segunda-feira (17).
Publicidade
Roberto Sá começou a carreira como cadete na Escola de Formação de Oficiais da Polícia Militar (PM). Na PM do Rio de Janeiro, foi instrutor do Batalhão de Operações Especiais (Bope), de 1989 a 1992. Ele deixou a PM no posto de tenente-coronel para entrar na Polícia Federal.
O gaúcho José Mariano Baltrame, que entregou o pedido de exoneração ao governador em exercício do Rio, Francisco Dornelles, e ao governador licenciado, Luiz Fernando Pezão, deixa o cargo depois de quase dez anos. Tomou posse no início do governo Sérgio Cabral, em 2007. Nesse período, implementou as unidades de Polícia Pacificadora (UPPs), hoje instaladas em 38 comunidades com 1,5 milhão de pessoas atendidas e atuação de 9.543 policiais. O programa das UPPs começou a funcionar em 19 de dezembro de 2008, e a primeira unidade foi instalada no Morro Dona Marta, em Botafogo.
Em manifestações no Twitter da Secretaria de Segurança, Beltrame disse que a operação policial ocorrida na segunda-feira (10), em confronto com traficantes das comunidades Pavão-Pavãozinho, que levou pânico a moradores de Copacabana e Ipanema, produziu imagens péssimas para a cidade, mas ressaltou que a polícia não poderia se omitir e que, mais uma vez, cumpriu o seu papel.

Pezão

Na nota divulgada pelo Palácio Guanabara, o governador licenciado, Luiz Fernando Pezão, elogiou o trabalho de Beltrame, destacando que este foi o que por mais tempo ficou no cargo de secretário de Segurança. “O Beltrame prestou serviços extraordinários à população nesses quase dez anos. Temos muito a agradecê-lo.”
Para Pezão, o novo secretário vai seguir a atual política de segurança do Rio de Janeiro. “Roberto Sá vai assumir para dar prosseguimento à nossa política de segurança, que, apesar dos problemas, teve muitos avanços, como a queda dos índices de criminalidade em áreas de UPP”, afirma.
Fonte: Último Segundo - iG @ http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2016-10-11/rio-de-janeiro.html

Cabral recebe processo da Justiça do RJ

Sérgio Cabral é condenado a ressarcir benefícios fiscais ao RJ


As coisas não andam bem para o ex-governador Sérgio Cabral. Depois de ver a queda da popularidade do seu partido no Rio de Janeiro, a saída de um candidato seu da Prefeitura do Rio e os escândalos políticos ligados ao seu nome, agora ele foi condenado pela justiça.

http://veja.abril.com.br/blog/radar-on-line/files/2013/07/sergio-cabral1.jpg
O Ministério Público do Rio de Janeiro informou que uma decisão da 12ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, proferida nesta terça-feira (4), condena o ex-governador do Rio de Janeiro Sergio Cabral e a empresa Michelin a ressarcir valores de ICMS que deixaram de ser pagos. A decisão é definitiva no âmbito da Justiça Estadual, mas cabe recurso ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) e ao Supremo Tribunal Federal (STF).

O Tribunal de Justiça confirmou a decisão. Os benefícios fiscais foram concedidos a partir de 2010 e adiavam, sem prazo determinado, o recolhimento do imposto devido na aquisição de maquinário para ampliação da fábrica da empresa, em Itatiaia.

A ação popular alega que os benefícios seriam ilegais, configurando renúncia de receita. Como a ação foi julgada improcedente, o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, por meio da 11ª Promotoria de Justiça de Fazenda Pública, recorreu da decisão.


terça-feira, 20 de setembro de 2016

USP deixa de ser melhor universidade brasileira

 UFRJ chega ao topo em ranking de Melhor Universidade do Brasil

(Blog do Rafael Oliveira - RJ) Segundo o RUF, foram avaliadas 195 universidades de todo o País e a UFRJ conseguiu 97,46 pontos, 0,43% a mais que a USP. Os fatores avaliados são pesquisa, mercado, ensino, inovação e internacionalização.

O Ranking Universitário (RUF) publicado pelo jornal paulista Folha de São Paulo, foi publicado na última semana e os leitores puderam reparar que pela primeira vez a Universidade de São Paulo (USP) não está mais em primeiro lugar. A USP perdeu o posto de melhor universidade e de cursos para a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).


 Tudo indica que a instituição fluminense soube capitalizar os recursos do pré-sal para financiar ascensão sólida na qualidade. Pela metodologia do levantamento, avaliam-se cinco quesitos: ensino, pesquisa, mercado de trabalho, inovação e internacionalização. - Define o jornal paulistano.

Apesar dos baixos investimentos federais na universidade carioca e o fato da instituição viver por recursos próprios, a Folha considera a UFRJ uma faculdade inovadora e que em breve poderá também passar a USP também nos rankings internacionais por esse quesito. Ano passado, a USP tinha 40 dos melhores cursos do país, hoje possui apenas 9, atrás até mesmo da UNICAMP.

http://maringa.odiario.com/geral/2016/09/para-conselho-de-educacao-ruf-e-uma-das-principais-avaliacoes-do-pais/2242965/
USP perde a liderança em ranking universitário pela primeira vez - InfoMoney
Veja mais em: http://www.infomoney.com.br/carreira/educacao/noticia/5552068/usp-perde-lideranca-ranking-universitario-pela-primeira-vez
http://maringa.odiario.com/geral/2016/09/para-conselho-de-educacao-ruf-e-uma-das-principais-avaliacoes-do-pais/2242965/
Segundo o Conselho Nacional de Educação, o RUF é o melhor sistema avaliativo do ensino superior do Brasil. A USP afirmou que não vai se pronunciar sobre os resultados.

Fim da Paralimpíada


Sucesso de Encerramento das Paralimpíadas


http://i.dailymail.co.uk/i/pix/2012/09/09/article-2200650-14EE37B8000005DC-319_964x628.jpg
O Rio se despediu neste domingo de seus surpreendentes e bem sucedidos Jogos Paralímpicos com festa e música, mas enlutados pela morte de um ciclista iraniano no penúltimo dia de competição.

O Maracanã voltou a ficar lotado, com os paratletas sentados no gramado enquanto os fogos de artifício anunciavam o início do adeus.

Entre os primeiros artistas a se apresentar estava Johnathan Bastos, um brasileiro que nasceu sem braços, o que não o impediu de se transformar num reconhecido músico. Ele interpretou um incrível solo de violão com os pés.

Depois foi a vez de Ricardinho, astro da seleção brasileira de futebol de 5 para deficientes visuais, que fez o Maracanã ficar de pé portando a bandeira nacional.

E, como na abertura, também houve tempo para a polêmica. Desta vez foi um músico da banda Nação Zumbi, que mostrou para as câmeras a parte de trás de seu violão onde se lia a frase "Fora Temer".

Além disso, a despedida paralímpica, com que o Brasil põe fim ao ciclo de grandes eventos realizados nos últimos anos, não foi só festa.

No sábado, o atleta iraniano Bahman Golbarnezhad, de 48 anos, faleceu durante a prova de ciclismo de estrada, manchando com o luto o final dos Jogos.

O primeiro falecimento registrado durante Jogos Paralímpicos deixou o movimento "unido na dor", segundo descrição do presidente do Comitê Internacional (CPI), Philip Craven, durante seu discurso.

No domingo podia ver-se a meio mastro tanto a bandeiro Paralímpica como a iraniana, enquanto a cerimônia respeitou um minuto de silêncio em homenagem ao atleta falecido.

Como nos Jogos de Londres-2012, a China foi a grande vencedora no Rio com 239 medalhas (107 de ouro), muito à frente de Grã-Bretanha, Ucrânia, Estados Unidos e Austrália, que completaram o top 5. Apesar de bater o recorde pessoal de medalhas, o Brasil terminou na oitava colocação, longe da meta de ficar entre os cinco maiores países paralímpicos.

Nesta edição dos Jogos foram batidos 103 recordes mundiais, diminuindo ainda mais a fronteira entre o olimpismo e o paralimpismo. 



A exemplo da cerimônia de abertura dos jogos, a chuva marcou presença e espantou muitos atletas, que assistiam às apresentações musicais e se escondiam nos acessos ao gramado. Mesmo com chuva, um grupo de vários países continuou firme e assistiu a todas as apresentações na frente do palco.
No fim, a chama paralímpica foi apagada simbolicamente por 300 cataventos, ao som de A Paz, de Gilberto Gil, cantada por Ivete Sangalo. A chama se apagou, colocando um ponto final em uma celebração única da vida e do esporte em solo brasileiro. Foram 12 dias que mostraram novos esportes ao brasileiro e, sobretudo, mostrou os brasileiros ao mundo. Agora, a chama só será acesa em Tóquio, em 2020.

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Destino da Pira Olímpica 2016

Pira Olímpica sairá do estádio do Maracanã para museu



Resultado de imagem para pira olimpicaA cerimônia de encerramento da Paralimpíada, no próximo domingo, no Maracanã, abrirá caminho para a pergunta: o que vai acontecer com a hipnotizante escultura metálica concebida pelo artista plástico americano Anthony Howe, que encantou multidões desde que foi acesa pela primeira vez, no dia 5 de agosto, na cerimônia de abertura da Olimpíada? Seu destino está selado: ficará por um tempo, ainda indeterminado, encaixotada num depósito do Comitê Rio-2016. A ideia é que a peça vire uma das principais atrações do futuro museu temático que o Comitê Olímpico do Brasil (COB) promete inaugurar junto com sua nova sede, até o fim de 2017, na Barra. As obras, no entanto, ainda não começaram.
O Comitê Organizador explicou que, antes da transferência da pira para o COB, será preciso cumprir algumas formalidades burocráticas. A principal delas será a alteração juntos aos órgãos federais da condição de como ela foi trazida para o Brasil. Isso porque a ideia inicial se tratava de uma importação provisória e, agora, a escultura ficará definitivamente no país.
PAES: "PIRA NÃO VALE NADA"
ADVERTISEMENT
Por sua vez, a pira em menor escala, encomendada pela prefeitura e instalada na Zona Portuária, vai permanecer após a Paralimpíada, no mesmo local. Mas, obviamente, apagada. O curioso é que, apesar de a escultura do Maracanã sempre ter sido de propriedade do Comitê Rio-2016, o prefeito Eduardo Paes chegou a cogitar levá-la para o Parque Madureira, como uma espécie de memória do evento. Ontem, Paes disse que a escultura no Maracanã não teria a mesma qualidade que a réplica adquirida pela prefeitura:
— A pira do Maracanã não vale nada. Eu estava crente que ela era do mesmo material da pira do Porto. Mas é de um material que vai acabar — disse o prefeito.

Resultado de imagem para pira olimpicaNa realidade, as duas esculturas foram concebidas para propostas diferentes: um ambiente mais protegido (um estádio de futebol) e outro onde a obra de arte ficaria exposta numa via pública permanentemente, sob os efeitos do calor e da chuva. Mas ambas começaram a ser fabricadas pelo mesmo processo. As esculturas originais foram desenhadas em computador já planejadas para ter três dimensões.
A pira da Zona Portuária tem sete metros de altura (incluindo a base) e três metros de diâmetro (a escultura). Foi projetada para suportar rajadas de até 150 quilômetros por hora. Internamente, funciona como uma espécie de “catavento”, que roda toda vez que há uma brisa, por mais leve que seja. Por sua vez, a pira do Maracanã, que é quatro vezes maior que a da Zona Portuária, usa recursos tecnológicos (não detalhados pelo Comitê Rio-2016) que fazem com que a estrutura comece a rodar com o calor das chamas. Essa pira maior pesa 1.815 quilos e resiste a ventos de 90 quilômetros por hora.

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Público de Paralimpíada bate recorde mundial

Resultado de imagem para paralimpíadaParalimpíada do Rio registra o segundo maior público da História 


(Blog do Rafael Oliveira - 16 de Setembro de 2016) O Parque Olímpico registrou mais de 167 mil visitantes neste último sábado, o que representa o maior público desde o início da Rio-2016. Até então, o recorde era mantido pelos Jogos Olímpicos, que levaram 157 mil pessoas ao principal espaço de competição em seu dia mais movimentado.

No total, a Paralimpíada do Rio já é a segunda mais frequentada da História dos Jogos. Foram vendidos cerca de 1,8 milhão de ingressos até agora, uma marca superior à de Pequim-2008 (1,7 milhão), nação mais populosa do mundo. Até o momento, a Paralimpíada de 2012 (em Londres) segue como a mais bem-sucedida em termos de público (2,8 milhões de ingressos vendidos). A organização da Rio-2016 espera que o número chegue a 2,4 milhões até o fim do evento.

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Parque Olímpico da Barra pós 2016

Parque Olímpico será reaberto parcialmente no fim do ano


Parque Olímpico, na Barra da Tijuca, voltou a funcionar na última sena com as competições da Paralimpíada do Rio. Mas a contagem regressiva para reabrir pelo menos uma parte da área como parque público já começou. Uma área que hoje serve de espaço de circulação comum entre as arenas (conhecida como Via Olímpica) será reaberta em dezembro, repaginada. O espaço receberá mil mudas de árvores, bicicletários, quadras poliesportivas e um monumento em homenagem aos atletas que ganharam medalhas na Rio 2016. A reforma vai custar R$ 2,5 milhões e será bancada pela prefeitura.
O projeto faz parte do programa de legado do evento. Com o fim da Paralimpíada, a área de 1,1 milhão de metros quadrados será desmembrada. Desse total, 600 mil metros quadrados ficarão com a iniciativa privada. Os outros 500 mil metros, que incluem cinco arenas permanentes, permanecerão públicos e serão reabertos por fases. A reativação das arenas depende da conclusão de uma parceria público-privada, ainda em licitação.

— A Via Olímpica já tem toda a infraestrutura necessária para receber os equipamentos públicos. Não tem sentido deixá-la fechada por muito tempo. Vamos entregá-la ao público em dezembro — disse o secretário municipal de Conservação, Marcus Belchior.
A prefeitura ainda está acertando alguns detalhes, como os horários de funcionamento. A transição para a nova fase começa no dia 19 deste mês (a Paralimpíada termina na véspera), quando a Guarda Municipal passa a tomar conta da parte pública do complexo. Na nova configuração, a Via Olímpica será dividida em cinco áreas. O trecho mais próximo da Avenida Embaixador Abelardo Bueno — que hoje serve de acesso para o público e os voluntários — será rebatizado como Praça de Chegada. Ali ficará o chamado Muro dos Campeões (vizinho ao estádio de tênis e à Arena Carioca 1), num formato que remeterá ao traçado do calçadão de Copacabana. Nesse monumento, estarão gravados os nomes de todos os atletas que conquistaram medalhas no Rio. Olimpíadas anteriores também tiveram seu Muro dos Campeões.
PRACINHA COM MESA DE JOGOS
Um outro trecho do Parque Olímpico será chamado de Área Esportiva. Ficará num ponto onde a TV Globo e o SporTV montaram estúdios de onde os principais programas jornalísticos das emissoras foram apresentados durante a Rio 2016. Ali, serão construídas duas quadras poliesportivas, em concreto, de 30m x 15m, além de um campo de grama sintética, com 80 metros quadrados. Nesse espaço, também será instalada uma pracinha, com mesas de jogos, food trucks e banheiros.
Uma terceira parte, localizada nas imediações da Arena Carioca 3, será convertida em parque infantil, com brinquedos adaptados. Um quarto espaço será voltado para usuários mais jovens e foi batizado de Contemplação Teen. Haverá equipamentos esportivos, inclusive mesas de pingue-pongue.
Uma quinta área do Parque Olímpico, localizada mais próximo à Lagoa de Jacarepaguá, ficará onde, durante a Olimpíada, havia telões para o público acompanhar as competições. A estrutura atual, com uma cobertura metálica, será mantida, mas, na nova fase, o lugar será destinado a shows. A prefeitura também vai instalar mesas para piqueniques, equipamentos de ginástica, sanitários e construir uma pista de skate.


segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Arca de Noé é nova atração da Zona Portuária

Réplica de Arca de Noé no Rio de JaneiroResultado de imagem para ARk OF NOAH rio de janeiro

O mais novo point do Rio de Janeiro é a região portuária da cidade, antes um espaço abandonado e marginalizado, hoje é um dos lugares mais queridos pelos cariocas e turistas. Em Agosto recebeu o Boulevard Olímpico, nessa semana recebe mais uma vez o espaço olímpico favorito dos turistas e em Novembro receberá o AquaRio, o maior aquário da América Latina, mas enquanto o aquário não chega e ao final das paralimpíadas, o carioca poderá aproveitar a maior réplica da Arca de Noé da história.

A réplica da segue todas as orientações conforme citada na Bíblia, com  23 metros de altura e 35 mil m² de área. Por enquanto, a arca está no porto de Dordrecht, Holanda e ancorará na Praça XV em setembro.

http://arkofnoah.org/wp-content/uploads/2016/03/IMG_2751-ARK-van-NOACH-1.jpg
A arca tem cinco andares, pode receber até cinco mil pessoas por vez e terá como atrações a exibição de animais artificiais, cinema e até restaurante. Será uma experiência interativa nas histórias bíblicas da criação do mundo e da maior inundação da história do planeta. No fim do passeio cada família ganhará uma Bíblia em português e inglês.

O Rio de Janeiro será a primeira cidade fora da Holanda a receber o museu itinerante. A arca ficará dois anos no Brasil e passará ainda por Fortaleza, Manaus, Belém, Recife, Salvador, Vitoria, Santos-Guarujá, Florianópolis e Porto Alegre.

Abaixo está o teaser do projeto:

domingo, 11 de setembro de 2016

Extensão da BGS no Rio

Brasil Game Show ganhará 'extensão' no Rio de Janeiro em 2017

http://s.glbimg.com/po/tt/f/original/2013/08/28/bgs-5.jpg(Blog do Rafael Oliveira -  11 de Setembro de 2016) A Brasil Game Show foi realizada pela primeira vez em 21de junho de 2009, no Rio de Janeiro, sob o título Rio Game Show, e teve um público aproximado de 4 mil participantes. Em 2011, a feira já recebia 60 mil pessoas. Em 2012, o evento carioca passou a ser realizado em São Paulo, recebendo brasileiros do país inteiro, incluindo muitos do Rio.

Em 2017, os cariocas poderão voltar a sentir a BGS aqui pertinho. O evento ainda continuará em São Paulo, mas receberá uma extensão no Rio.

http://conquista.blog.br/wp-content/uploads/2015/10/bgs.jpgMarcelo Tavares, diretor da BGS, fez o anúncio oficial na semana passada. O empresário carioca disse que essa “extensão” se chamará Brasil Game Cup Rio 2017, onde o foco será maior em e-sports.

O campeonato já é realizado anualmente dentro da BGS, ganhando agora uma edição extra e organizada paralelamente à BGS e à BGC de São Paulo. O evento será realizado entre 7 e 9 de abril no Centro de Convenções Sulamérica.

Os jogos que participarão da BGC Rio 2017 não foram divulgados, mas Tavares adiantou que o evento terá também espaço para estandes, exposição de games independentes e outras atrações conhecidas da BGS, embora em uma versão consideravelmente menor. Mais novidades em breve.

sábado, 10 de setembro de 2016

Sucesso na abertura paralímpica

Imprensa internacional destaca beleza e vaias na abertura da Paralimpíada


Resultado de imagem para abertura paralimpíada(Blog do Rafael Oliveira - 10 de Setembro de 2016) Depois de um período único e especial durante as Olimpíadas, o Rio teve uma pausa e já voltou ao seu espírito festivo olímpico com as Paralimpíadas.

O Rio, na última quarta-feira, passou pela abertura dos Jogos Paralímpicos de 2016, um evento que trouxe muitos suspiros e conseguiu surpreender até mesmo quem foi na abertura das olimpíadas. Quase 50 mil pessoas estiveram presentes na abertura que apesar de não ter sido exibida em nenhuma das grandes emissoras abertas do país.

Resultado de imagem para abertura paralimpíada
O Jornal O GLOBO resumiu em "Paralimpíada emociona Maracanã" e o Correio Brasiliense declarou "chama acesa para a inclusão".

Mas a maior parte dos elogios vieram mesmo da imprensa internacional. O New York Times classificou como "deslumbrantes".

 "O interesse e entusiasmo dos cariocas marcou o clima de celebração da abertura" - Declarou o jornal norte-americano

Já a BBC e a CNN destacaram as vaias ao presidente Michel Temer. A emissora britânica disse que Temer foi vaiado "ao fundo de de cor e música". Já a rede norte-americana diz que a menção a Temer presidente do Comitê Organizador, Carlos Arthur Nuzman, foi seguida por "gritos altos e muitas vaias do público do Maracanã", o que o forçou a "interromper o discurso por vários minutos".
Resultado de imagem para abertura paralimpíadaOs jornais britânicos The Guardian e Telegraph deram destaque ao protesto pró-Rússia protagonizado por atletas de Belarus, que entraram no estádio com a bandeira do país vizinho. Os russos foram banidos dos Jogos após serem flagrados em exames de doping.

Jornais chineses declararam como espetáculo (CCTV English). O Daily Telegraph elogiou o voo do atleta deficiente. Já a Al Jazera acredita que os jogos paralímpico trarão mudanças sociais ao Rio, já que não são muitos prédios cariocas não são acessíveis ainda. A imprensa indiana criticou o pouco caso da mídia local na transmissão das versões das paralimpíadas, comparando-se as olimpíadas e o fato de nenhuma emissora indiana nunca ter comprado os direitos de alguma edição dos jogos paralelos as olimpíadas.  


O espetáculo teve a direção criativa assinada por Marcelo Rubens Paiva, pelo artista plástico Vik Muniz e pelo designer Fred Gelli.




quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Chegou o dia da Paralimpíada


 Paraolimpíadas de 2016 no Rio de Janeiro

Resultado de imagem para rio2016(Blog do Rafael Oliveira - 7 de Setembro de 2016) Depois de uma das olimpíadas mais elogiadas da história, o Rio de Janeiro sediará, pouco mais de duas semanas de intervalo, os Jogos Paralímpicos de 2016. 

A tocha paralímpica percorre os últimos trajetos até o Maracanã, que recebe, a partir das 18h15, a Cerimônia de Abertura dos Jogos Paralímpicos.

A chama ainda passará hoje no trecho entre o Recreio e a Barra da Tijuca. No começo da tarde, ela chegará ao Leblon, de onde seguirá até Copacabana.
Resultado de imagem para rio 2016 paralimpiadas

A cerimônia de abertura promete grandes surpresas. O espetáculo tem a direção criativa assinada por Marcelo Rubens Paiva, pelo artista plástico Vik Muniz e pelo designer Fred Gelli. Será dado grande destaque à capacidade de superação dos atletas portadores de deficiência visual, física, intelectual ou paralisia cerebral.
Quem ainda não garantiu ingressos para assistir aos jogos, ainda pode fazê-lo. Para adquirir, é necessário ter mais de 18 anos, com CPF, e ter cadastro no site www.rio2016.com/ingressos. Por meio do site, o pagamento pode ser feito em até 3x no cartão de crédito.

A Pira Paralímpica será a mesma escultura dos Jogos Olímpicos, esculpida pelo artista norte-americano Anthony Howe. A diferença é que, dessa vez, ela ocupará o setor leste do Maracanã.
Vaiado na abertura das Olimpíadas, o presidente Michel Temer disse que comparecerá na abertura da Paralimpíada.

O evento esportivo reunirá 4,3 mil atletas para disputar 23 modalidades. Durante todo esse período, os ícones do turismo carioca como o Pão de Açúcar, o Cristo Redentor, o Jardim Botânico, assim como rodas de samba e as orlas das praias de Copacabana e Ipanema estarão abertos para receber os visitantes.

Porto do Rio nas Paralimpíadas


Veja quais serão as atrações da Zona Portuária nos Jogos Paralímpicos.


(Blog do Rafael Oliveira - 07 de Setembro de 2016) A cidade que recebeu diversos prêmios como principal cidade turística da América do Sul e recentemente também foi considerada como melhor destino do Hemisfério Sul, teve como principal ponto de encontro em Agosto não monumentos como Cristo Redentor ou praias como Copacabana, mas o point olímpico mais disputado: A zona portuária.

http://s3-sa-east-1.amazonaws.com/boulevardolimpico-s3/midias/2016/08/BoulevardOlimpico-PortoMaravilha187.jpgMuitos que visitaram o boulevard olimpico do Porto Maravilha se perguntavam como estaria a região nos jogos paralímpicos e a Prefeitura fez o anúncio oficial.

A região volta a ter a total atenção entre os dias 07 e 18 de setembro. Nesse período, os telões da Praça Mauá estarão ligados nas competições e nas atrações locais. Estarão de volta o Balão da Skol, o bungee jump da Nissan, o showroom Samsung Galaxy Studio e o Museu da Bradesco. O maior mural artístico grafitado do mundo estará também em exposição, além dos já tradicionais artistas de rua e muito mais.

http://media.viajenaviagem.com.s3.amazonaws.com/wp-content/uploads/2016/08/boulevard-olimpico-kobra.jpg
Haverá Food Trucks (precisamente 33) e 8 bares novos e antigos no calçadão olímpico. Além de shows nos palcos espalhados.

Nos dias 10 e 11 haverá a apresentação THE GARDEN que  recria o Jardim do Éden em um espetáculo que desafia a gravidade, ao elevar artistas, com e sem deficiência, a até sete metros de altura, sobre hastes de aço flexível.


Espera-se receber cerca de 50 mil pessoas por dia nesse período.

Certamente você não vai querer ficar fora desses jogos.

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Rio: Aprovação dos Turistas

Turistas lotam a Cidade do Rio de Janeiro e cidade faz sucesso mundial

(Blog do Rafael Oliveira - 02 de Setembro de 2016) Mais de 87% dos turistas internacionais de 94% dos turistas brasileiras disseram que vão voltar ao Rio em breve. Mais de 98% aprovaram a beleza da Cidade Maravilhosa e 92% relataram que foram bem recebidos pelos cariocas. Cerca de 88% dos turistas estrangeiros e brasileiros disseram que se sentiram seguros no Rio e aprovaram a segurança do Rio de Janeiro.

 A área de hotelaria registrou ocupação de 94%, de acordo com o levantamento compliado pela Prefeitura do Rio, com base em dados de vários órgãos.

O país que mais mandou turistas foi o Estados Unidos, seguido por Argentina e Alemanha. Cada estrangeiro gastou, em média, R$ 424,62 por dia na cidade. Entre os turistas brasileiros, os nossos amigos e vizinhos paulistas foram a maior parte, seguidos pelos gaúchos e mineiros. Cada um gastou R$ 310,42 diariamente, em média.

O comércio aumentou em 70% na região da Zona Sul em comparação com o mês de agosto de anos anteriores. Na Barra da Tijuca, no Centro e na Zona Norte, as vendas aumentaram em 30%, com destaque para a região da Tijuca, cujo comércio aumentou em 45%. Em outros pontos da Zona Oeste, o aumento no comércio foi de 20%.


Os três live sites do Boulevard Olímpico - Porto Maravilha, Parque Madureira e Centro Esportivo Miécimo da Silva, em Campo Grande - atraíram mais de quatro milhões de pessoas com a transmissão de competições e agenda de eventos. O Boulevard da região Portuária já pode ser considerado como o maior da história da Olimpíada.

terça-feira, 30 de agosto de 2016

Turismo na Zona Portuária

Região Portuária do Rio e sua evolução turística

(Blog do Rafael Oliveira - 30 de Agosto de 2016) Uma das grandes novidades e legado das Olimpíadas de 2016 será a transformação do Centro do Rio, principalmente na região portuária. Um local que antes era abandonado e perigoso da cidade, tornou-se no maior ponto turístico durante os jogos olímpicos.

Foram, nesse período, 4 milhões de visitantes, 100 horas de transmissão ao vivo, 110 horas de atrações musicais, mais de 900 artistas de rua, mais de 5 mil voos no Balão Panorâmico da Skol, mais de 1100 saltos  no bungee jump Nissan, milhares de visitas aos museus temporários, milhões de fotos postadas nas redes sociais, 1 tonelada de fogos de artifícios e muito mais.

Uma das grandes novidades será a inauguração do AquaRio, o aquário do Rio de Janeiro. Esse será o maior da América Latina. O espaço também ganhará 20 tubarões-bambu, vindo da Indonésia e conhecido como o "tubarão que anda", devido a maneira que se locomove na água. A previsão de inauguração é ainda para esse ano.

A região também continuará a ter uma das maiores regiões culturais da cidade, como o Museu do Amanhã (projeto do arquiteto espanhol Santiago Calatrava), o  Museu de Arte do Rio de Janeiro (MAR), o Centro Cultural José Bonifácio, a Igreja São Francisco Prainha, entre outros. A região também está recebendo ciclovias, um túnel de mais de 4km de extensão e várias novidades. Ali perto também está a Cinelândia, a Igreja da Candelária, a Avenida Rio Branco, a Casa França Brasil, etc. Uma região que sozinha há mais turismo e cultura que a maioria das cidades do Brasil sozinha.

O famoso mural de 3 mil metros, o maior do mundo, continuará a ser fotografado após os jogos. Durante as paralimpíadas, algumas das atrações olímpicas do Boulevard Olímpico continuarão, até mesmo a Pira voltará a ser acesa.

O sistema de segurança da região continuará, segundo a Prefeitura, e o VLT receberá toques finais. A região também receberá mega eventos, como o Arte Rio, Rio Gastronomia, a Semana de Moda do Rio e o  Mondial de La Biére. O local também receberá restaurantes e uma das grandes novidades é o sonho da RioTur em transformar o local no mais novo ponto da virada do ano, com queima de fogos e festa.

domingo, 28 de agosto de 2016

Ilha do Governador ganhará VLT

 Planos de Mobilidade no Rio de Janeiro

 (Blog do Rafael Oliveira) O VLT (Veículo Leve sobre Trilhos) ganhará sua primeira expansão para a Ilha do Governador, segundo a Prefeitura do Rio de Janeiro.  O projeto vai beneficiar mais de 200 mil pessoas, empregar mais de 2 mil e ainda será mais uma integração com a Transcarioca, Galeão e Barcas do Cocotá. Serão 21km de extensão

Segundo a Prefeitura, há projetos futuros também para expandir o VLT para a Zona Sul, saindo da Cinelândia, passando por Catete, Flamengo, Botafogo, Jardim Botânico, Lagoa e terminando no Planetário da Gávea.

No Plano de Mobilidade Urbana Sustentável (Pmus) da cidade, sugerido pelos cariocas, há também a criação de um BRT na Linha Amarela, a extensão do Transbrasil para Santa Cruz e VLT para a Barra da Tijuca (Entre o Jardim Oceânico e o Terminal Alvorada, passando pela Avenida Lúcio Costa). Esses projetos do Pmus ainda não foram oficializados pela Prefeitura.


quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Eleições 2016

Prefeitura do Rio de Janeiro: Hoje haverá Debate na Band


Agora que as olimpíadas terminaram, o Rio começa a se preparar para o início oficial das paralimpíadas, assim como para o período eleitoral.

A cidade infelizmente vai perder muito  das placas Rio2016 e vai receber as velhas placas de políticos espalhadas por diversas casas na cidade, um problema não apenas no Rio, mas comum no Brasil. De qualquer maneira, esse é o último ano de Eduardo Paes como Prefeito no Rio, prefeito que divide opiniões positivas e negativas no meio da população carioca e dos moradores da cidade. É um período delicado, já que em breve a população vai eleger aquele que será o administrador da cidade para os próximos anos, com vários desafios (engarrafamento, educação, saúde, fortalecimento da economia) e manutenção (transporte, visão da cidade, programas, etc).

Os candidatos desse ano são Alessandro Molon (Rede), Carlos Roberto Osorio (PSDB), Flávio Bolsonaro (PSC), Índio da Costa (PSD), Jandira Feghali (PCdoB), Marcelo Crivella (PRB), Marcelo Freixo (PSOL) e Pedro Paulo (PMDB). O primeiro debate será na Band, hoje, às 22h, com a participação desses citados, exceto Freixo.

Esse debate será a primeira oportunidade oficial para conhecer o perfil de cada candidato, assim como as suas propostas iniciais. Em breve mais informações aqui no blog.

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Sucesso no Encerramento das Olimpíadas

 O que diz a mídia estrangeira sobre o fim da Rio-2016



 cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro - marcada por uma festa com muita música e alegria dos atletas – foi um verdadeiro banquete aos olhos da mídia estrangeira. 
Desde ontem, o maior evento esportivo do mundo segue entre as principais notícias dos jornais europeus, americanos e argentinos.

O americano The New York Times diz que, apesar das queixas em torno da Rio-2016, a cidade está “mudada, se não renascida”.

“Colocando as críticas de lado, os Jogos Olímpicos de 2016 no Rio alteraram profundamente a cidade, produzindo um porto revitalizado, uma nova linha de metrô e uma onda de projetos municipais (grandes e pequenos) que estavam há muito tempo na lista de espera”, diz o texto.

O jornal ainda destaca que em meio a pior recessão do Brasil em décadas, a Olimpíada também serviu como “um poderoso catalisador para a revitalização urbana que estimulou projetos de infraestrutura, financiados com dinheiro dos contribuintes e investimento privado, que vão melhorar as vidas dos moradores do Rio”.

Já o argentino Clarín afirmou que o Rio terminou o megaevento com “uma festa espetacular em sua primeira Olimpíada na América do Sul”.

“Não havia ninguém parado ou saindo do Maracanã sem cantarolar o ritmo universal de alegria. A música foi o grande protagonista dessa festa inesquecível”, diz o jornal.

Na Inglaterra, o britânico The Guardian diz que apesar das preocupações iniciais com o vírus da Zika, assentos vazios e doping, “o Rio de Janeiro entregou momentos de graça e pureza, onde a realização atlética se sobrepôs ao resto”.

O outro americano, Washington Post, elencou algumas críticas. “Nós [do jornal] passamos por alguns dos problemas que o Brasil enfrenta enquanto estávamos no Rio – agora que o show saiu da cidade, a maioria deles está muito longe de acabar. Apesar disso, o país pode olhar para trás com imenso orgulho de sua performance”, diz a publicação.

O francês Le Monde diz que com o fim dos Jogos, o Brasil vira uma página de sua história da qual “demonstrou capacidade de organizar o maior evento esportivo do mundo, apesar dos riscos plíticos, de segurança e de saúde que pairam sobre o país”.

 “Com exceção da mentira contada pelo nadador norte-americano, Ryan Lochte, nenhum drama manchou os Jogos nessa última quinzena”, diz o texto.

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Zona Oeste será dividida em duas partes

Câmara decide dividir a Zona Oeste em duas partes



(Blog do Rafael Oliveira - 23 de Agosto de 2016) No dia 15 de Agosto, publicamos aqui nese blog, um projeto de lei (PROJETO DE LEI Nº 1369/2015) discutido na Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro, que pretendia excluir os bairros de Jacarepaguá e Barra como zona oeste do Rio de Janeiro.

A Câmara publicou hoje a decisão desse projeto e decidiu manter todos os bairros antes citados na Zona Oeste, mas agora com as nomenclaturas de Zona Oeste Norte e Zona Oeste Sul.

Art. 1º Define a delimitação de abrangência da área denominada de Zona Oeste da Cidade do Rio de Janeiro em Zona Oeste-Norte e Zona Oeste-Sul.

§1º. A Zona Oeste-Norte será composta dos bairros que delimitam a área de abrangência da subprefeitura da Zona Oeste, AP-5, composta pelas:
    a) XVII Região Administrativa - RA da Grande Bangu: Bairros de Bangu, Gericinó, Padre Miguel, Santíssimo e Senador Camará;
    b) XVIII Região Administrativa - RA de Campo Grande: Bairros de Campo Grande, Cosmos, Inhoaíba e Senador Vasconcelos;
    c) XIX Região Administrativa – RA de Santa Cruz: Bairros de Paciência, Santa Cruz e Sepetiba;
    d) XXVI Região Administrativa – RA de Guaratiba: Bairros de Guaratiba, Barra de Guaratiba e Pedra de Guaratiba;
    e) XXXII Região Administrativa – RA de Realengo: Bairros de Deodoro, Magalhães Bastos, Realengo, Jardim Sulacap, Campo dos Afonsos e Vila Militar.
§2º. A Zona Oeste-Sul será composta dos bairros que delimitam a área de abrangência da Subprefeitura da Barra da Tijuca e Jacarepaguá, AP-4, composta pelas:
    a) XVI Região Administrativa - : Jacarepaguá, Anil, Curicica, Freguesia, Tanque, Gardênia Azul, Jacarepaguá, Pechincha, Praça Seca, Taquara, Vila Valqueire;
    b) XXIV Região Administrativa – Barra da Tijuca: Barra da Tijuca, Itanhangá, Joá, Recreio dos Bandeirantes, Camorim, Grumari, Vargem Grande e Vargem Pequena;
    c) XXXIII Região Administrativa – Cidade de Deus: Cidade de Deus.

Foi decidido também que não haverá alterações nos impostos para as duas regiões. A lei já está em vigor.

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Ônibus de dois andares no Rio

Rio terá ônibus turístico de dois andares



(VEJA) Seguindo os passos de cidades mundiais como Londres e Nova York, o Rio terá, segundo a Rio Ônibus, um serviço oficial de sightseeing, que será apresentado na segunda (15). Trata-se daqueles ônibus com dois andares e sem capota que visitam pontos turísticos locais.

Por aqui, o circuito disponível, com guias bilíngues a bordo, é da General Osório, em Ipanema, até a Praça Mauá, na Zona Portuária.

Niterói ganha mais uma obra de Niemeyer

Construção de igreja evangélica de Niemeyer começa nos próximos dias

 

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, reuniu-se, na tarde desta segunda-feira (15), com pastores e representantes da Igreja Adventista do Sétimo Dia para tratar dos últimos detalhes antes do início da construção da Templo adventista no Caminho Niemeyer, localizado no centro da cidade.

Com a construção da igreja – que deve começar nos próximos dias –, o conjunto arquitetônico desenhado por Oscar Niemeyer retoma sua versão original, com uma catedral católica e um templo evangélico.
Os investimentos da construção virá de empresas particulares. A igreja evangélica terá capacidade para 1,5 mil pessoas.

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Lucro Olímpico

Os Jogos Olímpicos de 2016 devem gerar  receitas de R$ 2,68 bilhões ao turismo do Rio de Janeiro entre agosto e setembro.



Segundo  CNC (Confederação Nacional de Comércio de Bens, Serviços e Turismo) serão quase 1,4 milhão de turistas brasileiros e estrangeiros nesse período.

O segmento de alimentação deve responder por 34,5% da receita total gerada. Bares, restaurantes e lanchonetes devem ficar com R$ 927,1 milhões, seguidos por transporte rodoviário de passageiros, com R$ 738 milhões, e pelas atividades artísticas, esportivas e de lazer, com R$ 474,1 milhões.

Segundo a CNC, os três segmentos responderão por quase 80% da receita durante os Jogos. Apenas os estrangeiros devem gastar em todo o País US$ 1,04 bilhão, o equivalente a R$ 3.089 por visitante, valor que considera a taxa de câmbio a R$ 3,33.

A pesquisa avalia ainda que durante a Copa do Mundo, realizada no Brasil entre junho e julho de 2014, circularam 1,04 milhão de visitantes internacionais, turistas que desembolsaram US$ 1,58 bilhão no período.

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Turismo Olímpico

 Cresce a quantidade de turistas na Cidade Olímpica



(Blog do Rafael Oliveira) O Rio de Janeiro sempre foi a capital turística nacional, com a maior quantidade absoluta de turistas internacionais no país, seja para negócios como para - principalmente - lazer.

As Olimpíadas de 2016 vão alavancar ainda mais isso. Segundo o site de turismo Decolar.com, a Cidade Maravilhosa terá, durante todo o mês de agosto, os hermanos, da Argentina, como o maior público turístico da América Latina, mas também teremos muitos visitantes do Chile, México, Colômbia e Peru.

No final de junho, a demanda por produtos para a cidade dos cariocas já era 30% maior do que no ano passado.

Publicidade
A maioria dos visitantes da América Latina vão se hospedar no Rio de Janeiro por mais dias. A tendência foi associada às Olimpíadas, já que cerca de 89% das reservas gerais realizadas em agosto do ano passado não chegavam a 7 dias de estadia. Para 2016, se multiplicaram por 2,63% o número de turistas que permanecerão entre 8 e 14 dias.

Os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro devem gerar US$ 200 milhões em despesas extras de turistas entre julho e setembro. A estimativa foi feita pelo Banco Central.

“Existem outros ganhos decorrentes dos Jogos, como os de exposição do País, de turismo, além de outros efeitos de mais longo prazo”, ponderou Tulio Maciel, um dos chefes do Banco Central.

Agora a Prefeitura já começou o investimento para manter a alta de crescimento turístico na cidade, mesmo após as Olimpíadas.

Rio recebe 'hospitality houses' de vários locais do mundo

Rio2016 recebe casas de diversos pontos do mundo que promovem diversão e cultura


(Blog do Rafael Oliveira - 18 de Agosto de 2016) Uma das grandes vantagens de se visitar uma cidade em clima de olimpíada é o rápido intercâmbio mundial que se pode fazer em apenas um lugar. Há turistas do mundo inteiro invadindo as ruas cariocas nesses momentos, um período que podemos ouvir pessoas de várias línguas em cada canto da cidade.

Nesse período, a cidade está recebendo também 52 hospitality houses, casas temáticas que vão promover cultura, turismo, gastronomia, esporte e negócio de seus países, além de transmitirem as principais competições ao vivo, com casas da França, México, Dinamarca, entre outros.

Além dessas casas, há também dois estúdios de TV. O primeiro é o Estúdios Ipanema View, das TVs suíça e austríaca, no Arpoador, e o Estúdio NBC, dos Estados Unidos, na Praça Almirante Júlio de Noronha, no Leme.

Em 2008 (Pequim) e 2012 (Londres), essas casas foram os locais mais procurados pelos turistas. Essas casas estão espalhadas pelo Centro, barra da Tijuca e zona sul. Algumas são fechadas a autoridades e atletas (como é o caso dos EUA), mas a grande maioria é aberta ao público.

As únicas pagas são a casa francesa, Casa da Holanda, Casa do Catar e Casa da Jamaica. Cada casa
deixará um legado para a cidade, a Suíça irá reformar o campo de baseball da Lagoa, por exemplo, assim como a Federação Internacional de Vôlei (FIVB) vai recuperar a Escola Municipal Cícero Pena, que ocupará em Copacabana. 

A Casa Brasil está em dois antigos armazéns na Região Portuária com venda de café, chocolate, cachaça e vinho brasileiros, além de contar com simuladores de realidade e atividades esportivas. 

A Casa Portugal trouxe o Navio Escola Sagres, que poderá receber até 10 mil visitas por dia. A embarcação foi construída em 1937 e ficará atracada na Ilha das Cobras entre os dias 3 e 21 de agosto. 

A Casa Alemanha OliAle terá  shows, happy hours, exposição permanente sobre sustentabilidade, quiosques de comida e cerveja alemã, espaço para fotos, torneios esportivos com premiações, ofertas de atividades esportivas e lúdicas (slackline, totó, vôlei, futevôlei, altinho, basquete, tênis de mesa), sorteios, intervenções artísticas e telões para transmissão dos jogos.

A Casa Austria está na sede do clube Botafogo e funcionará até 21 de Agosto com entrada gratuita. Ali há música e culinária típica, um ambiente austríaco em um típico Gastgarten. Todos os pães e bolos da casa serão feitos em uma padaria montada no próprio local.

O Catar vai transformar o edifício histórico da Casa Daros em um típico mercado árabe, onde será possível desfrutar de shawarmas (prato servido no pão sírio com legumes e outros acompanhamentos) e se pintar com henna.

Na Casa da Suíça, os visitantes poderão patinar no gelo em uma pista de 200 metros quadrados e degustar chocolates, raclette e outras iguarias. O espaço será montado na Lagoa, onde também funcionou o Baixo Suíça durante a Copa do Mundo de 2014. Entre as atividades oferecidas estão piqueniques, transmissão dos jogos ao vivo em uma tela gigante, e um globo de neve simulando os Alpes.

Na da Grã Bretanha, no Parque Lage, a entrada será mediante a um registro no site oficial: www.britishhouserio.com. Haverá palestras, eventos culturais e até duas festas de gala para comemorar os resultados dos atletas.

E por aí vai...

Abaixo está o endereço de cada uma das casas:

Barra da Tijuca

  •  África – Avenida Ayrton Senna, 2150 – Casa Shopping (Saiba mais sobre a Casa África)
  • Japão Tokyo 2020 – Avenida das Américas, 5300 – Cidade das Artes
  • República Checa – Avenida das Américas, 3434 – Centro Empresarial Mario Henrique Simonsen

Centro / Porto

  • Austrália – Praça Quinze de Novembro, 20 – Centro de Convenções da Bolsa do Rio – Centro
  • Colômbia – Praça Marechal Ancora, 15 – Centro Cultural Ministério da Saúde – Centro  (Saiba mais da Casa Colômbia)
  • Japão – Tokyo Metropolitan Government – Praça Quinze de Novembro, 48 – Paço Imperial – Centro
  • México – Praça Marechal Ancora, s/n – Museu Histórico Nacional – Centro (Saiba mais da Casa México)
  • Correios (patrocinador) – Rua Visconde de Itaboraí, 20 – Centro Cultural dos Correios – Centro
  • Casa Brasil – Via Expressa (antiga Avenida Rodrigues Alves), 10 – Armazém 2 – Píer Mauá, Gamboa
  • Coca-Cola (patrocinador) – Armazém 3 – Pier Mauá, Gamboa (saiba mais sobre a Parada Coca-Cola)
  • Espaço Rio de Janeiro – Via Expressa (antiga Avenida Rodrigues Alves), 303 – Fábrica de Espetáculos do Theatro Municipal – Zona Portuária
  • NBA (entidade esportiva) – Via Expressa (antiga Avenida Rodrigues Alves) – Armazém 6 – Píer Mauá, Gamboa (saiba mais sobre a Casa NBA)
  • Portugal – Navio Escola Sagres – Cais da Portuguesa – Ilha das Cobras

Zona Sul

  • Alemanha Oli Ale – Praia do Leblon, altura do Jardim de Alah
  • Áustria – Avenida Venceslau Brás, 72 – Clube de Regatas Botafogo, General Severiano – Botafogo
  • Catar – Rua General Severiano, 159 – Casa Daros Rio – Botafogo (saiba mais sobre a casa Qatar)
  • Dinamarca – Praia de Ipanema, na altura do Jardim de Alah (saiba mais sobre a Casa Dinamarca)
  • França – Avenida Lineu de Paula Machado, 2448 – Sociedade Hípica Brasileira – Lagoa (saiba mais sobre o Club France)
  • Holanda – Avenida Borges de Medeiros, 701 – Clube Monte Líbano – Lagoa
  • Hungria – Budapeste 2024 – Tribuna C do Joquey Clube – Gávea
  • Jamaica – Praça Santos Dumont, 31 – Restaurante Prado Grill – Gávea (saiba mais sobre a Casa Jamaica)
  • Panasonic (patrocinador) – Praia Vermelha – Urca
  • PyeongChang 2018 – Avenida Atlântica, s/n – Quiosque na Praia de Copacabana com Orla Rio –
  • Suíça – Campo de Baseball – Lagoa, altura do Corte de Cantagalo (saiba mais sobre o Baixo Suíça)
  • Technogym (patrocinador) – Posto 10 – Ipanema

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta o nosso site com o facebook e Google+