Brasil perde representatividade na ONU

Brasíl perde direito a voto na ONU




(Blog do Rafael Oliveira - 02 de Fevereiro de 2015) Atualmente, o Brasil passa por uma das piores fases políticas e econômicas no cenário internacional, nas últimas décadas. Uma prova disso é o fato do Brasil ter perdido o direito de votos em instituições internacionais, incluindo o direito ao voto na Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) e no Tribunal de Pena Internacional.

Isso aconteceu devido a dívida de R$ 662 milhões com os países que fazem parte da ONU. A partir de agora, o Itamaraty não poderá mais eleger juízes e nem votar  sobre o orçamento da entidade.

Nos últimos anos, o país também tem cancelado reuniões sobre finanças da ONU, alegando  "motivos urgentes", o que atrapalha as relações internacionais com a entidade. 

Se continuar assim, em Maio, o Brasil perderá o direito ao voto na Unesco e perder o representante brasileiro como atual presidente da Organização das Nações Unidades para Alimentação e Agricultura (FAO). Vale lembrar, que durante o Governo Dilma, o Brasil já foi excluído de votações importantes sobre a questão nuclear do Irã, contrariando a conquista do seu antecessor, Lula.

Caso a dívida não seja solucionada, o Brasil perderá os programas que visam desenvolver a saúde e agricultura pública no país. Ao ser procurado pelo Estadão, o Itamaraty e o Governo Federal não quiseram dar satisfação do impacto disso tudo a população. 

Postar um comentário

Clique aqui para deixar um comentário. Caso você não tiver uma conta Google, assine o seu nome abaixo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta o nosso site com o facebook e Google+