segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Sérgio Cabral menospreza o Aeroporto do Rio de Janeiro

Sérgio Cabral humilha o Aeroporto Tom Jobim

http://newscomex.files.wordpress.com/2008/07/aeroporto_tom_jobim_1.jpg


Desde que Sérgio Cabral foi eleito pelo povo, ele "decidiu" não ser um governador, porém um "garoto propaganda" da CIDADE no exterior. Um tipo de embaixador do Rio de Janeiro na Europa. Mas nem isso - mais - ele tem feito direito e tem feito críticas sem saber o que fala e ainda menospreza os serviços do Rio de Janeiro.

Uma importante revista de negócios internacionais colocou o Aeroporto Internacional de Brasília simplesmente como o pior do mundo. A ANAC anunciou ainda nesse ano que aeroporto internacional Santa Genoveva, em Goiânia, seria o pior do país. Porém Sérgio Cabral - discípulo de Lula - decidiu abrir a boca para falar besteira. Cabral simplesmente humilhou o Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (Galeão) afirmando que o Tom Jobim é o pior do país e uma vergonha. O comentário do governador já fez o aeroporto carioca ser uma das maiores piadas do dia pela internet.

O Galeão é o maior sítio aeroportuário do Brasil e o segundo mais movimentado (lembrando que não é o único aeroporto da CIDADE). O Galeão conta também com um dos Terminais de Logística de Carga mais modernos da América do Sul. Além de ser um dos aeroportos que mais recebem turistas no mundo.

Sérgio Cabral chamou o Aeroporto do Galeão de "rodoviária de quinta categoria" e "uma vergonha para o Rio de Janeiro". Realmente ele (Cabral) tem feito muito bem o seu papel de mostrar o porquê os empresários devem investir no Rio de Janeiro, claro que isso foi apenas uma ironia. Essa não é a primeira vez que Sérgio Cabral humilha o Rio de Janeiro em reunião para grupos de empresários que buscam investir no Rio.

Ele afirmou que a Rodoviária do Rio de Janeiro é melhor que o Aeroporto do Galeão, por exatamente ser privada. Mas vale lembrar que até pouco tempo a Rodoviária do Rio era um lixo total que precisou exatamente de investimentos da Prefeitura para melhorar, podendo ser o que Cabral hoje chama de "melhor rodoviária da América do Sul".

O mais cômico dessa reunião foi o fato de Cabral ter afirmado que nunca foi "lulista", mas apenas parceiro de Lula.

Eduardo Paes também estava na mesma reunião promovida pela EXAME e exaltou os investimentos em segurança pública e afirmou que é a hora dos empresários aproveitarem as oportunidades nas áreas de infraestrutura, energia, tecnologia e turismo.

Até mesmo o diretor do Grupo Abril elogiou o Rio de Janeiro, falando que “Não apenas por causa da Copa do Mundo e dos Jogos Olímpicos, mas também - e talvez principalmente - por causa da exploração do pré-sal e de todas as possibilidades que isso traz, reforçando a vocação do Rio de Janeiro como capital mundial do conhecimento da tecnologia de exploração do petróleo.”




Sérgio Cabral também confirmou que não sabe o que fala quando declarou:
- O governo brasileiro não tem que gastar dinheiro investindo em infraestrutura aeroportuária. Em todos os lugares do mundo, os recursos vêm do setor privado.
Vale lembrar que os melhores aeroportos do mundo são públicos. Um dos maiores e mais famosos aeroportos do nosso planeta com certeza é o Aeroporto Internacional John F. Kennedy (em Nova York) que é público, administrado pelos estados de New Jersey e New York, e já foi tema de vários filmes. O mesmo acontece com o Aeroporto de Miami, também um dos mais visitados do planeta.

O Aeroporto Internacional de Pequim, o maior em extensão do mundo que esbanja modernidade, também é público.

O Aeroporto Internacional de Toronto, Vancouver, LaGuardia (Nova York), Chicago, Miami, Valência (Espanha), Madrid (Espanha), Milão (Itália), Hong Kong (China) também são outros exemplos. E claro que não poderíamos nos esquecer do Aeroporto de Frankfurt, um dos melhores e mais modernos do mundo, também público.

Segundo a revista Forbes, o melhor aeroporto do mundo também é público: Aeroporto de Singapura.

Então, de onde Cabral então tirou que TODOS os aeroportos do mundo são privados ou dependem da iniciativa privada?

O único aeroporto privatizado dos Estados Unidos recentemente voltou a ser estatal. Vimos logo que não valeu a pena sua privatização. Só valeria a pena para políticos preguiçosos que não querem investir e apenas querem passar a bola para outra pessoa.

Um exemplo seria o Aeroporto de Porto Seguro, que é privatizado, e considerado por muitos um lixo, um dos piores do mundo. A iniciativa privada não instalou nem se quer lanchonetes, cadeiras confortáveis para esperas e acoplagens de aeronaves. Sem contar o número de atrasos para um aeroporto bem menor que os demais.

Na realidade, a maioria das pessoas não sabe nem o que faz a Infraero, mas defendem Cabral. Há pessoas até que nunca entraram num aeroporto e criticam a Infraero e os Aeroportos. O próprio governador eu acredito que seja uma dessas pessoas que nem sabe o que faz a Infraero em suas especificidades.

Vale lembrar que não estou falando que os aeroportos públicos são superiores. O Aeroporto Heathrow é um exemplo de aeroporto público que é um dos piores do mundo.






Então Cabral está errado ao criticar o Aeroporto do Rio? Claro que não. O Aeroporto do Rio tem seus problemas, mas certamente não é uma "rodoviária de quinta categoria", ou seja, a Rodoviária de Brasília ou até mesmo a Rodoviária de Niterói. Um político deveria aprender a usar as palavras, se não daqui a pouco não vamos achar diferença em Sérgio Cabral e Tiririca. Na realidade todos os aeroportos do Brasil têm problemas, alguns até gravíssimos. Os aeroportos brasileiros precisam de mudanças, mas estamos procurando a solução no local errado.

Os funcionários do Galeão têm realmente seus motivos para reclamar, porque o Galeão está a desejar (e muito a desejar, isso é novidade para ninguém).

Mas o brasileiro é um povo que não gosta de aprender com a experiência internacional, eu considero isso até mesmo um masoquismo.

Qualquer pessoa intelectual (ou seja, descartando Sérgio Cabral) pode analisar que privatizar os aeroportos do Brasil não significa solução. O problema está exatamente na INFRAERO que precisa ser reformulada (mudada). Alguns por aí ainda falam de privatizar a Infraero, eu nunca ouvi algo tão idiota em toda a minha vida, quase tão idiota quanto comparar a privatização de um aeroporto com a privatização de uma rodoviária. O problema é a gestão da Infraero que deve receber investimentos e trabalhar como empresa pública - assim como o Banco do Brasil, a Caixa e a Petrobrás - e não como subordinada do Governo.

Se a Supervia - que é privatizada - tem tantos problemas e suas estações estão caindo aos pedaços, imagine o futuro dos aeroportos? Transformar o Galeão em Supervia e Barcas S/A é ignorância.

Ao contrário, podemos reparar que o Aeroporto do Galeão piorou exatamente quando começaram a terceirizar os serviços internos. Se você perguntar a qualquer pessoa que trabalha no Galeão o que realmente acha um problema, você verá que terá alguma relação com serviços terceirizados. Será que privatizar é a solução? Com certeza não.
Também se deveria construir novos aeroportos na cidade ou ampliar, resolvendo o problema de lotação. Ou expandir o transporte ferroviário entre os estados – aí sim privatizados e não estatais – para desafogar os aeroportos do centro-sul.

Logo concluímos que o que envergonha o Rio de Janeiro não é um aeroporto, mas o próprio governador, já que nunca vimos um governador que perde tanto tempo criticando um Aeroporto e não faz nada para resolver os problemas do Estado, incluindo trazer novas empresas do ramo de aviação para o Rio e levar um metrô integrado ao Aeroporto do Galeão, investindo na Ilha do Governador como portão de entrada de turistas. O pior que Cabral fala como se não tivesse responsabilidade nenhuma em relação ao problema.

Leia também o que David Neeleman fala sobre esse assunto.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 31 de Janeiro de 2011

Novo Recorde na diminuição da violência do Rio de Janeiro

Estado do Rio de Janeiro registra menor número absoluto de homicídios desde 1991

http://farm4.static.flickr.com/3505/3194676385_918a4c7d09.jpg

A violência no Estado do Rio de Janeiro continua caindo. A Secretaria de Segurança Pública acabou de anunciar os dados que comprovam que o Rio de Janeiro registrou em 2010 o menor número absoluto de homicídios desde 1991: 4.768 casos.

Comparando-se com 2006, houve uma queda de 26,6% na taxa de homicídios por cem mil habitantes, passando de 40,6 para 29,8.

O número de roubos de veículos também caiu para 20.052 casos, o menor desde 1997. Ou seja, uma queda de 53% desde 2006.

A quantidade absoluta de latrocínios (roubos seguidos de morte) foi a menor desde 1999. As mortes em confrontos com a polícia também foram os menores desde 2001.

A pior posição foi os roubos de rua que não teve uma queda, comparando-se a 2006. Porém houve uma redução de 11,2% na comparação com 2009.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 31 de Janeiro de 2011
Foto: Avenida República do Chile, Centro do Rio de Janeiro

domingo, 30 de janeiro de 2011

Recorde de turistas no Rio de Janeiro

Cerca de 40 mil turistas desembarcam de sete transatlânticos no Pier Mauá em apenas um dia


http://oglobo.globo.com/fotos/2011/01/30/30_MHG_RIO_3001_turistas1.jpg

A cidade que recentemente recebeu o prêmio de melhor cidade do mundo pela revista Wallpaper, o Rio de Janeiro, continua cada vez trazendo mais brilho para o Brasil. Cada vez que passa, mais turistas querem conhecer o Rio de Janeiro, a cidade do momento no mundo inteiro e símbolo de beleza, arte e modernidade.

Só nesse domingo, 40 mil turistas movimentaram o Terminal Internacional de Cruzeiros da Pier Mauá, no Rio, através de sete transatlânticos ancorados no Pier Mauá - Costa Serena, Vision of the Seas, MSC Musica, Costa Victoria, Gran Holiday, Horizon e Sovereign. Nunca houve tantos turistas em um só dia no Píer Mauá. Em apenas um dia eles deixaram na cidade US$ 12 milhões.

Os turistas se depararam com um clima perfeito para passear no Rio, com temperatura de 38º C, e céu azul.

- Acabei de chegar, viemos no Costa Serena, do Nordeste. É minha primeira vez na cidade e, pelo que estou vendo, já gostei. - Disse um turista brasileiro que acabou de chegar com a família.
- A recepção que tivemos foi bem calorosa, no clima da cidade - disse a paulista que chegou ao Rio pela primeira vez.
- Viemos para cá porque é bom, muito bom. Daqui do porto vamos para a praia direto. - Disse um argentino que visita o Rio pela segunda vez.
A Prefeitura deseja trazer mais investimentos para o Píer Mauá, melhorando o sistema e trazendo ainda mais turistas para a única Cidade Maravilhosa.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 30 de Janeiro de 2011

Menos favelas no Rio de Janeiro

IPP constata que área ocupada por favelas encolheu nos últimos dois anos

http://oglobo.globo.com/fotos/2011/01/29/29_MHB_RIO_3001_reassentamento.jpg

A favelização por muitos anos cresceu no Rio de Janeiro graças a uma política estúpida do Governo que incentivava a favelização ao invés de repreender e criar condições de vida favoráveis a qualquer cidadão.

O Rio de Janeiro, hoje, vive uma situação diferente. A área ocupada por favelas, no último ano, na cidade está diminuindo, segundo o Instituto Pereira Passos. Segundo o prefeito Eduardo Paes, o fato é inédito e seria uma consequência direta da política de reassentamento de famílias que moram em áreas de risco.

Cerca de 6.800 famílias de 80 comunidades foram retiradas de áreas ameaçadas pela Prefeitura. Paes prometeu que, até 2012, essa política de reassentamento, associada a uma série de outras medidas, vai permitir a recuperação de 3,5% da área ocupada pelas favelas no Rio no início do seu mandato.

De acordo com o IPP, levantamentos semelhantes realizados anteriormente vinham registrando o aumento das áreas ocupadas de forma irregular. Os números apresentados pelos técnicos mostram que, entre 1999 e 2004, as favelas avançaram sobre uma área de 2,4 milhões de metros quadrados, num aumento de cerca de 1,2% ao ano. Já entre 2004 e 2008, o crescimento registrado foi de 1,3 milhão de metros quadrados, ou 0,71% ao ano.

Outra boa noticia seria o fato que desde 2009, não há registos do surgimento de novas favelas. Porém os números mostram que a diminuição da favelização ainda é baixa.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 30 de Janeiro de 2011

"Novo" Palácio Guanabara

Palácio Guanabara ganha nova cor depois de ser restaurado

http://oglobo.globo.com/fotos/2011/01/28/28_MHG_RIO_2901_palacio_guanabara.jpg

O Palácio Guanabara faz parte da história do Rio e do Brasil. É um dos mais belos castelos do Rio de Janeiro.

O Palácio chama a atenção da Rua Pinheiro Machado (Laranjeiras) não apenas por sua arquitetura, mas por ser a atual sede do Governo Estadual do Rio de Janeiro. O palácio já foi residência da princesa Isabel, residência oficial do presidente (Incluindo Getúlio Vargas), sede da prefeitura do Distrito Federal e agora o local de trabalho do governador.


Em 2009 iniciou-se o processo de restauração, onde o branco do palácio deu lugar ao atual ocre. Alguns realmente preferiam o anterior, outros passaram a elogiar ainda mais o palácio. Porém agora ele chama ainda mais atenção dos que passam pela antiga Rua Guanabara.

As cúpulas de procedência francesa, que nunca receberam mais do que reparos pontuais, voltaram a brilhar. No interior, chafarizes e esculturas ganharão nova iluminação. Além da restauração de telhados, pisos e paredes, todas as instalações elétrica e hidráulicas estão sendo substituídas.

Toda a reforma custou R$ 9 milhões e foi patrocinada pela iniciativa privada através de incentivos fiscais.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 30 de Janeiro de 2011

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Tragédia no Rio de Janeiro deveria ter sido menor

Estudo diz que tragédia da Região Serrana poderia ter sido 80% menor

http://vmulher5.vila.to/interacao/3405952/regiao-serrana-do-rio-vamos-ajudar-125861-1.jpg

O Crea-RJ (Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Rio de Janeiro) publicou um relatório com algumas medidas que devem ser tomadas até o próximo verão para evitar que novas tragédias naturais sejam se repitam na região serrana.

O presidente do Crea-RJ também explicou que a tragédia desse ano na Região Serrana poderiam ter sido 80% menor caso o Governo proibisse a ocupação desordenada nas encostas e tivesse sido preservada a mata atlântica. O Crea-RJ culpa o desmatamento da Mata Atlântica como a responsável pela destruição na Região Serrana.
"Sem a cobertura original, a mata atlântica, o solo absorve água de forma lenta, o que aumenta a velocidade da água e, consequentemente, formasse a tromba de água".
Até o momento já foram encontrados 838 corpos e ainda há mais de 500 desaparecidos. O orgão fluminense também sugere a construção de barragens ao longo das encostas e obras de contenção de encostas.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 28 de Janeiro de 2011

Favelas perto de atrações olímpicas serão urbanizadas

Prefeitura promete urbanizar todas as favelas perto de áreas Olímpicas

http://3.bp.blogspot.com/_M1zg0keE0pw/TT2pFEgrw-I/AAAAAAAAHQQ/8HLoMwzpx9Q/s1600/prefeitura.jpg

Eu ainda afirmo que o Rio de Janeiro não deveria ter nenhuma favela e o fato de vermos centenas delas espalhadas pela cidade - e Estado - é puramente reflexo da falta de administração do governo que ao invés de lutar contra esse mal, prefere deixar do jeito que está para não perder votos de eleitores e também por preguiça. No final fica isso que vemos agora: Uma imagem visual degradante para a cidade mais bela do mundo, fortalecimento da violência, pessoas vivendo em locais que nenhum ser humano merece viver, os piores IDH da cidade, saneamento básico vergonhoso e falta de controle público.

O projeto Favela Bairro tentou resolver o problema, mas todos viram que não resolveu, porque só asfaltar - entre outras coisas - não é a solução.

Agora veio o Morar Carioca que tenta urbanizar todas as favelas até 2020, prometendo também um melhor monitoramento.

A segunda fase do Morar Carioca terá seus esforços em favelas localizadas num raio de quatro quilômetros das futuras instalações olímpicas nas zonas Norte, Sul e Oeste, ou seja, 216 favelas divididas em 91 grupos, atingindo 89.058 moradias gastando R$ 2,6 bilhões.

Segundo Eduardo Paes a ideia desse programa é encontrar soluções urbanísticas que ajudem a integrar as favelas à cidade formal, com abertura de ruas, construção de áreas de lazer e esporte, remoção de famílias de áreas de risco e melhorias habitacionais num espaço de 12,2 milhões de metros quadrados.
- A meta é que a segunda fase esteja pronta até a Copa do Mundo de 2014 - disse Bittar.

Na Zona Sul, serão urbanizadas favelas como Chácara do Céu, no Leblon; Vila Parque da Cidade, na Gávea; e Ladeira dos Tabajaras, que tem trechos em Copacabana e Botafogo. Essas comunidades ficam nas imediações do núcleo Copacabana das Olimpíadas, onde serão realizadas competições de vôlei de praia, maratona aquática, triatlo, canoagem (Lagoa) e iatismo (Marina da Glória). O Morro dos Macacos, em Vila Isabel, que já tem uma UPP, e o Morro São João, no Engenho Novo, ocupado pelo Bope no início do mês, também integram a lista. Junto com a Mangueira e a Providência (incluídas na primeira fase do Morar Carioca) , as favelas ficam no raio de interferência do Maracanã, onde serão realizadas as cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos e as provas de atletismo.

Segundo O GLOBO, o estádio de São Januário também será revitalizado para as partidas hóquei. Todo o seu redor também será revitalizado.

Já na região da Barra da Tijuca, que concentrará a maior parte das instalações olímpicas, como as vilas dos atletas e de mídia e o Parque Olímpico, foram incluídas favelas como Muzema e Tijuquinha, no Itanhangá; Mato Alto, na Praça Seca; e Pantanal, em Jacarepaguá.

Nos arredores do núcleo de Deodoro, foram incluídas Vila Vintém, em Padre Miguel; Morro do Juramento, em Vicente de Carvalho; Parque Furquim Mendes, no Jardim América; e Faz Quem Quer, em Guadalupe.





Eu vejo que esse é um projeto superior aos anteriores - incluindo o maldito PAC que fortalece as favelas ao invés de "derrubá-las". Sem contar que eu não canso de escrever que seria mais barato transferir as favelas de locais turísticos e financeiros para outras regiões com melhor qualidade de vida, e aplicar projetos para que outras comunidades do subúrbio percam esse título de "favela" e se integram ao bairro, obviamente, investindo também no entorno, trazendo empregos e qualidade de vida para toda a região da zona oeste e norte. Seria um investimento para o povo, onde essas pessoas futuramente teriam melhores condições sociais e financeiras até mesmo para melhorar a Educação e contribuírem de forma prática para a arrecadação de impostos da cidade. Mas para isso precisamos quebrar alguns paradigmas que o nosso governo ainda está infelizmente "atrasado". Até porque as antigas favelas poderiam se tornar espaços ambientais ou até públicos, com ajuda da iniciativa privada.

Não adianta acabar com uma favela enquanto não há uma fiscalização para evitar a construção - ou expansão - de outras. Essa sim deveria ser a primeira prioridade da Prefeitura no combate a favelização.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 28 de Janeiro de 2011

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Rio de Janeiro é eleito referência mundial em estilo de vida e desing

Revista Wallpaper confirma que o Rio de Janeiro é a Melhor Cidade do Mundo

http://www.wallpaper.com/images/98_05_bestcity_hm_10122010.jpg

Há alguns dias eu publiquei, aqui nesse blog, que o Rio de Janeiro foi selecionado para a lista dos indicados a Melhor Cidade do Mundo em 2011 pela revista inglesa Wallpaper, considerada a melhor em assuntos de viagem e estilo de vida em todo o planeta.

A noticia não poderia ser melhor: O Rio de Janeiro é agora oficialmente a melhor cidade do mundo e referência mundial em Design e Estilo de Vida.

A revista define o Rio como "a capital brasileira da diversão (e festas) que está enfrentando seriamente as preparações para sediar a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016". A revista também lembra os investimentos no Porto do Rio de Janeiro. Inclusive, vale lembrar que a foto do futuro "Museu do Amanhã" é a capa da reportagem. Outras obras que são lembradas pela revista é a "Cidade da Música" e o "Museu de Imagem e Som".

O Centro do Rio e a Lapa também foram lembradas como locais com várias galerias de arte e clubes. Botafogo foi classificada como um local "emergente como um grande eixo noturno". E claro, a revista também não se esqueceu dos investimentos nas favelas, policiamento e infraestrutura que estão "impactando". E termina com uma frase de dar orgulho: "e tudo isso em uma das cidades mais lindas em todo o planeta".

O Rio de Janeiro desbancou, entre centenas de cidades, as finalistas Chicago, Oslo e Hong Kong.

Outras categorias do Design Awars foram:
- Melhor novo restaurante: Tote on the Turf, Mumbai
- Melhor novo Hotel: La Réserve Ramatuelle, França
- Melhor novo edifício público: Rolex Learning Center, Suíça
Entre outros.

Ainda resta alguma dúvida que o Rio é a melhor cidade do Brasil? Para os que duvidam, clicam aqui para ver a noticia no próprio site da Wallpaper em inglês.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 27 de Janeiro de 2011

IMAX no Rio de Janeiro

Barra da Tijuca ganhará sala de cinema IMAX

http://cinemacao.files.wordpress.com/2010/04/imax.jpg


O Rio de Janeiro entrará para a lista das cidades a possuírem salas de cinema no formato IMAX, considerada uma das melhores do mundo. A noticia foi confirmada pelo colunista Ancelmo Gois (O Globo).

A rede de cinemas UCI fechou contrato com a rede canadense IMAX Corporation para transformar a sala 4 do New York City Center no primeiro cinema IMAX do Rio de Janeiro. O NYCC faz parte do complexo Barra Shopping, um dos maiores shoppings das Américas e é localizado na Avenida das Américas, Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

O formato IMAX é conhecido por aproveitar ao máximo a resolução da cena, mostrando imagens muito maiores e de melhor qualidade em comparação aos sistemas convencionais de exibição de filmes. Ainda não há data para inauguração.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 27 de Janeiro de 2011

Jornais mais lidos do Brasil

Veja os jornais que tiveram mais média de exemplares em 2010

http://acertodecontas.blog.br/wp-content/uploads/2009/04/jornais.jpg

O IVC (Instituto Verificador de Circulação) publicou os jornais mais comprados em todo o Brasil no ano de 2010. A grande surpresa foi o fato de não ter sido um jornal carioca ou paulistano na frente dos mais lidos, mas sim um mineiro.

Em primeiro lugar apareceu o jornal "Super Noticias" de Minas Gerais, com uma média de exemplares em 295.701, cerca de 6,83% da participação do mercado brasileiro.

Em segundo lugar ficou o jornal da cidade mais populosa do Brasil (e uma das 5 mais populosas do mundo). A Folha de São Paulo aparece com 294.498 exemplares.

Já em terceiro ficou o periódico mais famoso do Brasil, O Globo, com 262.435 exemplares. Em quarto ficou a versão do O Globo menos cultural, com menos qualidade, mais sensacionalista e mais barata, EXTRA, com 238.236 exemplares.

Em quinto aparece o Estadão, seguindo-se por: Zero Hora (RS), Meia Hora (RJ), Correio do Povo (RS), Diário Gaúcho (RS) e Aqui.

Lance! aparece em 11°, A Tribuna em 18°, O Dia em 19° e Correio Braziliense em 20° na lanterninha da lista.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 27 de Janeiro de 2011

Investimentos para o Aeroporto de Jacarepaguá

Aeroporto de Jacarepaguá receberá R$ 5 milhões em investimentos

http://www.portalcr.com.br/images/stories/artigos/Artigos_Portal_CR/ultimas_noticias/aeroporto_jacarepagua.jpg

A Infraero confirmou que investirá cerca de R$ 5 milhões entre os anos de 2011 e 2015 no Aeroporto de Jacarepaguá, localizado zona oeste do Rio de Janeiro.

O aeroporto terá ampliado a sua capacidade operacional. Além de investimentos em melhorias do sistema elétrico e projeto para conservação do meio ambiente na região do aeroporto.


Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 27 de Janeiro de 2011

Prefeita de São Gonçalo aparece em escândalo de corrupção

Aparecida Panisset é acusada de desvio de dinheiro público

http://correiodobrasil.com.br/wp-content/uploads/2010/12/Aparecida-Panisset-SN-225x300.jpg


O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro acusa a atual prefeita de São Gonçalo, Aparecida Panisset, por desvio de dinheiro público. Panisset teria desviado cerca de R$ 600 mil dos cofres do município, através de convênios com igrejas locais. A prefeita também responderá por, supostamente, ter se omitido a prestar informações requisitadas pelo Ministério Público.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 27 de Janeiro de 2011

MP já previa desastre em Friburgo

Ministério Público há dois anos já pedia a desocupação de casas em encostas de Friburgo

http://mw2.google.com/mw-panoramio/photos/medium/5431309.jpg


Há dois anos o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro levantou uma ação civil pública visando a remoções de várias casas erguidas em áreas de risco na comunidade do Bairro Floresta, em Nova Friburgo. O MP-RJ anunciava que a região tinha riscos de deslizamentos, desabamentos e inundações e apelou para que o julgamento fosse realizado o mais rápido possível. Porém nada foi feito pela Prefeitura (Saudade Braga), Justiça e o Governo Estadual (Sérgio Cabral).

As chuvas de 2007 mataram onze pessoas na cidade (e outras dez desabrigadas, onde 70% não teve qualquer auxilio da prefeitura e voltaram para suas casas) e o documento descrevia que uma providência deveria ser tomada o mais rápido possível para evitar "tragédias semelhantes ou ainda mais graves".


Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 27 de Janeiro de 2011
Foto: Prefeitura de Nova Friburgo, foto de "Leo Silveira", veja mais fotos desse fotógrafo clicando aqui.

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Aniversário da Bossa Nova

Dia da Bossa Nova para Rio de Janeiro

http://acertodecontas.blog.br/wp-content/uploads/2007/01/WindowsLiveWriter/TomJobimoRioesuaintilpaisagem_A533/Tom%20Jobim%5B1%5D.jpg

Esse é quase um terceiro aniversário do Rio de Janeiro, claro que apenas simbolico. Existem pontos turísticos que simbolizam o Rio de Janeiro, existem grandes artistas que simbolizam o Rio de Janeiro, além de bebidas típicas, locais típicos, eventos, entre outras coisas. Mas uma das marcas do Rio de Janeiro no exterior é e sempre será a Bossa Nova. A Bossa Nova ajudou a trazer uma boa imagem. A imagem que o Governo Federal, o funk, os filmes brasileiros e a mídia tentam apagar.

Em 2009, o Congresso Nacional oficializou o Dia Nacional da Bossa Nova. E foi comemorada hoje com uma mesa redonda, às 18h, na Fundação Casa de Rui Barbosa, em Botafogo, zona sul do Rio de Janeiro. Com o tema A Interação Harmônica, Melódica e Rítmica com o Samba, o encontro discutirá a fonte maior de inspiração da bossa nova.

Hoje também é o aniversário de um dos maiores músicos da história do Brasil. O carioca Antônio Carlos Jobim faria nesta terça-feira 84 anos de idade, caso ainda estivesse vivo. O jovem Tom Jobim, nascido na Tijuca, planejava ser arquiteto e chegou a cursar o primeiro ano da faculdade, mas seu futuro já estava destinado à música.

Parabéns a esses grandes ícones.

Texto escrito pelos diretores do Blog do Rafael Oliveira, 25 de Janeiro de 2011

UPP em o São Carlos e Santa Tereza

O Complexo do São Carlos e favelas de Santa Teresa serão pacificadas em breve

http://diariodorio.com/wp-content/uploads/2007/09/novo-carro-da-polcia.jpg

O principal responsável pela segurança nas cidades brasileiras é o Governo Estadual de cada unidade federativa, porém cada Prefeitura também pode impedir a favelização de suas cidades. As coisas ficam feias quando em volta da própria prefeitura há favelas e o Governo Estadual nada faz. Isso infelizmente acontece no Rio de Janeiro.

O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, anunciou que o Complexo do São Carlos, além das favelas de Santa Teresa, receberão a próxima Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da cidade do Rio. A instalação da UPP ainda não tem data.

A polícia acredita que o tiro na Prefeitura não foi intencional, mas vale lembrar que existe um funk que já ameaçava ao prédio-sede da Prefeitura do Rio de Janeiro. O pior de tudo que um certo deputado (Marcelo Freixo) decretou que o funk é uma atividade cultural, mesmo que a maior parte das músicas incentivam a atividades sexuais e a violência. Só o que faltava. O que é crime agora é Patrimônio Cultural. Esse país é uma piada.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 25 de Janeiro de 2011
Foto do carro da Polícia do Rio de Janeiro

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Noticias sobre "Cidade da Música"

Cidade da Música poderá ser "inaugurada" no meio de 2011

A Cidade da Música foi criada para ser um dos maiores complexos culturais do Brasil. Seria inaugurada no dia 26 de Dezembro de 2008, mas a inauguração foi adiada e adiada. Até hoje não houve a tal inauguração. César Maia chegou até abrir as portas, mas não houve uma "abertura" definitiva.

O complexo é realmente uma das mais belas arquiteturas dos últimos anos e tem a promessa de ser um centro referencial em todo o país. Muitas revistas internacionais já assumiram ansiedade para ver o projeto funcionar, todos investem suas fichas no empreendimento criado por César Maia assinado pelo arquiteto francês Christian de Portzamparc (Vencedor do Pritzker, considerado o Nobel da arquitetura).

Mas os brasileiros e cariocas parecem não tão animados com o projeto. Afinal, gastaram-se milhões para o mega-museu e até hoje nada dele aberto. Será que mesmo que o dinheiro gasto com ele vai ser recompensado com o seu sucesso?

Tudo bem que o complexo já mudou a cara da Barra da Tijuca e ajudou ao bairro da zona oeste ser considerado um dos mais modernos do Brasil. Mas será que não seria melhor e mais proveitoso que a Cidade fosse construída na Zona Norte? Esse assunto tem dado o que falar.

Eu sou um desses que acredita no potencial da Cidade da Música e que acredita que não será um elefante branco da Prefeitura.

Só para começar, a Cidade da Música abrigará a maior sala de concertos de orquestra sinfônica e ópera de toda a América Latina, com até 1.800 lugares. Além de 13 salas de ensaios e de aula, vista panorâmica para a Barra da Tijuca, cinemas, lojas, restaurante, cafeteria, além de ser a futura sede da Orquestra Sinfônica Brasileira.

Uma Prefeitura inteligente ainda poderia criar ótimos eventos e shows no local, além de convenções, festivais e entrega de prêmios. Essa é a minha opinião. Eu ainda contrataria a Rio Luz para fazer um grande projeto de iluminação de todo o complexo, onde poderia se tornar um ponto turístico noturno para a Barra da Tijuca, principalmente por ser uma área privilegiada entre a praia da Barra e o Barra Shopping, onde também poderia ser um ótimo mirante para o bairro planejado por Lúcio Costa. Além de exposições e investimentos na área de lazer. Ou até mesmo uma construção de uma praça tecnológica ao redor do prédio, onde também poderia até mesmo ser utilizada para o réveillon e até uma árvore de natal da Barra da Tijuca.

Mas ainda temos a pergunta que não quer calar: Quando vai ser a inauguração?

O atual prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, declarou que as obras estão a "pleno valor" há um ano e meio e tem previsão de término para Junho ou Julho.

Eduardo Paes já não tem tanta esperança para a Cidade da Música, por isso o atual Prefeito quer entregar o complexo para a iniciativa privada após a conclusão das obras já que os gastos anuais serão de R$ 25 milhões com a manutenção da casa.
“Tenho que encontrar quem queira. Você pode ter uma gestão privada com subsídios públicos”, avaliou. “Eu não teria feito [a Cidade da Música], é inoportuna, inadequada, mal localizada, mas é um belo equipamento para o Rio. Vamos terminar”.
Mas eu já sou diferente. Eu acredito que a Cidade da Música tem de tudo para ser um sucesso com uma boa administração, porém, infelizmente caso ficar "ao acaso", tem de tudo para ser um grande fracasso. Vamos torcer pelo melhor, seja com a Prefeitura ou com a iniciativa privada.


Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 24 de Janeiro de 2011

Antigos Governadores ganham pensão do Governo Federal

Ex-Governadores recebem pensão de aposentadoria que equivalem a 5 mil salários mínimos

http://www.cristovam.com.br/portal2/images/stories/corrupcao.jpg


Como se já não bastasse o fato dos políticos do Brasil serem um dos mais bem remunerados do mundo, sem contar com o fato de serem os mais corruptos de todo o planeta. Eles também ganham "aposentadoria" com o dinheiro do contribuinte.

Pelo menos dez estados do Brasil gastam em torno de R$ 30,5 milhões por ano com aposentadorias e pensões para ex-governadores e suas viúvas. Esse número chegaria a só 127 pessoas. Esse valor já seria o suficiente para pagar uma aposentadoria no valor de um salário mínimo para 4.993 trabalhadores honestos.

A Constituição Federal proíbe pensões para antigos presidentes, mas não fala nada sobre antigos governadores. A Ordem dos Advogados do Brasil, com sede no Rio de Janeiro, irá questionar a constitucionalidade do benefício junto ao Superior Tribunal Federal, em Brasília.

Felizmente isso não acontece no Estado do Rio de Janeiro, porém acontece em muitos outros como Amazonas, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Roraima, Rio Grande do Sul, Sergipe e Santa Catarina.

Entre os governadores que recebem esse benefício está José Sarney (PMDB), que governou o Maranhão até 1971, e sua filha, Roseana Sarney (PMDB), governadora por três vezes, que optou pela aposentadoria de R$ 24 mil em detrimento do salário atual.

No Paraná, nove políticos recebem R$ 24,8 mil previstos na Constituição do Estado. No ano passado, os ex-governadores Roberto Requião (PMDB) e Álvaro Dias (PSDB) também passaram a receber o benefício. Dias ainda teve a cara de pau de pedir um pagamento retroativo de R$ 1,6 milhão referente aos cinco anos em que não havia recebido a aposentadoria.

Até mesmo o ex-governador da Paraíba, Ronaldo Cunha Lima, que atirou em 1993 contra o também ex-governador Tarcício Buriti, recebe a pensão.

Esse é o país que vivemos, mais corrupto eu acho que é impossível.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 24 de Janeiro de 2011

Jogador Somália não será "julgado"

Jogador Somália pagará 50 salários mínimos como pena alternativa

http://globoesporte.globo.com/Esportes/foto/0,,34689126-EX,00.jpg

Nesse mês de Janeiro eu publiquei uma noticia sobre o jogador paulista do Botafogo, Somália, que mentiu declarando que foi sequestrado na Barra da Tijuca em plena luz do dia, aumentando o falso preconceito ao Rio de Janeiro como cidade altamente violenta. A Polícia conseguiu provas que o paulistano mentiu. Oficialmente isso é um grande crime que dá prisão, ainda mais quando a pessoa falta a audiência que deveria se explicar para jogar com os colegas e mostrar-se bem descontraído.

A Justiça cancelou a prisão e deu ao jogador uma pena de multa antecipada de 50 salários mínimos (R$ 22 mil parcelados em três meses) no processo que responde por falsa comunicação de crime, quando ele forjou o próprio sequestro-relâmpago. Após isso ele estará livre da pena como se nada tivesse feito.

Todo o valor será destinado para as vítimas da tragédia que atingiu a Região Serrana na última semana. Ele foi uma das primeiras pessoas a serem punidas com uma "pena alternativa".

Sejam bem vindos ao país da impunidade

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 24 de Janeiro de 2011

domingo, 23 de janeiro de 2011

Nova Estação de Metrô da Tijuca só para 2013

Estação de metrô Uruguai, na Tijuca, ficará pronta em 2013

http://oglobo.globo.com/fotos/2011/01/19/19_MHB_rio_tijuca.jpg

A segunda maior malha de estações de metrô do Brasil ganhará em breve uma nova estação. Na manhã desta quarta-feira, na Tijuca, iniciou-se à construção da estação Uruguai. A previsão de inauguração é Março de 2013, um ano antes do prazo estabelecido no contrato.

As ruas Itacuruçá e Conde de Bonfim serão um dos cinco acessos à primeira estação refrigerada do Rio e Brasil. Ela terá um sistema de plataforma de porta, que irá otimizar o ar condicionado, e com isso a estação será climatizada.

A estação Uruguai ficará a 1100 metros da Estação/Praça Saens Peña, e contará com 7 mil metros quadrados.

Depois da inauguração da nova estação, as paradas de ônibus que fazem integração com o metrô serão transferidas para a nova estação, desafogando o trânsito na Praça Saens Peña.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 23 de Janeiro de 2011

Iniciativa Privada doará casas para desabrigados da Região Serrana

Construtoras doarão 2 mil casas na região serrana

http://p1.trrsf.com.br/image/get?o=cf&w=619&h=464&src=http://img.terra.com.br/i/2011/01/20/1759157-1539-atm14.jpg

O número de mortos infelizmente continua a crescer depois desse descaso do nosso governo, mas muitos sobreviveram, porém tiveram suas casas atingidas ou até totalmente destruídas, morando em casa de famílias ou abrigos.

Um grupo de construtoras do Rio de Janeiro se uniram e anunciaram que construirão cerca de 2 mil casas populares para doar a esses desabrigados.

Claro que o nosso Blog pesquisou o nome dessas empresas que merecem ser lembradas: MRV, RJZ/Cyrela, Gafisa, PDG, Rodobens e Rossi.

Essas empresas fecharam acordo com Sérgio Cabral para a construção das unidades nos sete municípios afetados pela tragédia, incluindo Areal (que não registrou mortos). O acordo foi fechado no Palácio Guanabara, onde também estava a atual presidente Dilma Rousseff .

Cabral não se pronunciou sobre o assunto, mas Pezão (vice-governador) declarou a ideia de construir 6 mil unidades habitacionais com esse acordo.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 23 de Janeiro de 2011
Foto: Reinaldo Marques/Terra

Investimentos em Pavuna e Costa Barros

Bairros da Pavuna e Costa Barros receberão investimentos do Morar Carioca

http://odia.terra.com.br/portal/rio/fotos/11/01/23_parque575.jpg

Os bairros de Pavuna e Costa Barros, zona norte, ganharão muito em breve investimentos que sonham receber há anos. A Prefeitura investirá R$ 149,9 milhões através do programa Morar Carioca, com obras de urbanização promovidas pela Secretaria Municipal de Habitação. Favelas como Pedreira, de Nova Jerusalém e do Parque Nova Cidade de Acari estão dentro do pacote

O programa vai beneficiar 20.300 pessoas em 5.800 domicílios com duração de 36 meses. Serão erguidas na favela Parque Nova Cidade de Acari 1.500 apartamentos, em terreno de 54 mil metros quadrados.

Em tais favelas, a Prefeitura implantará novas vias e construirá três Espaços de Desenvolvimento Infantil. Também haverá um Centro de Inclusão Digital (batizado de Praça do Conhecimento) e um cinema 3D.

Os novos bairros ganharão também redes de abastecimento de água, rede de esgoto, pavimentação de vias e contenção de encostas. Os moradores receberão ainda novas praças e áreas de lazer, serviços de iluminação pública, com 1.006 pontos de luz e coleta de lixo.

No Parque Acari haverá também espaço para prática de esportes e lazer. E o melhor de tudo: Haverá monitoramento e controle para evitar duas coisas importantes:
1) Que vândalos destruam os parques, mantendo a conservação.
2) Novas construções irregulares sejam feitas no local
“Se ficar abandonado como ocorreu com o Favela-Bairro, vamos estar jogando dinheiro no lixo”, diz Bittar.
O Programa Morar Carioca foi anunciado pelo prefeito Eduardo Paes no ano passado com a meta de urbanizar todas as favelas até 2020, investindo R$ 8 bilhões. Até o ano que vem serão aplicados R$ 2 bilhões nas comunidades.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 23 de Janeiro de 2011
Foto do Projeto

Chuvas de Santa Catarina

Chuvas assustam população de Santa Catarina

http://ponteirosaoavesso.files.wordpress.com/2010/03/a_chuva_e_a_porta.jpg

Há dois anos o estado de Santa Catarina passou por um desastre similar ao ocorrido na Região Serrana nesse ano. Cerca de 135 pessoas no estado. Hoje, a região do Vale do Rio Itajaí tem um sistema de alerta de cheias, isso ajudou a evitar mortes nesse ano. Cerca de 700 mil pessoas foram atingidas por essa chuva em 49 municípios desde o último dia 18.

Financiado pela Secretaria de Desenvolvimento Sustentável e coordenado pela Fundação Universidade de Blumenau, o sistema foi concluído em 2010 com a instalação de 16 estações telemétricas.Vemos que alguns aprendem com a inteligência, infelizmente Santa Catarina aprendeu com a tragédia. Será que o governo do Rio de Janeiro aprendeu a lição e investirá para prevenir futuros desastres? Provavelmente não, porque depois de Angra dos Reis e da capital, nada foi investido por Sérgio Cabral. Tal sistema já era para existir há anos.

No entanto, em Santa Catarina, até metade do ano passado, ao menos 2 mil famílias continuavam desabrigadas e 3 mil, desalojadas. A compra de terrenos é uma das pendências. São esperados cerca de R$ 2 milhões, mas a liberação da verba depende do envio de documentação dos municípios ao governo federal.

Segundo Almir César Paul, secretário de Meio Ambiente de Ilhota, cidade com o maior número de mortes na tragédia (47), muitos continuam em casas de parentes ou pagam aluguel. O último lote de 70 casas será entregue em breve e foi bancado pela Arábia Saudita, que deu US$ 5 milhões para construção de casas.Lamentável que o Brasil ajuda a tantos países, mas foi necessária a ajuda da Arábia Saudita porque o Governo Federal prefere ajudar ao Chile e Haiti, ao Rio e Santa Catarina.

Enquanto isso aqui no Rio de Janeiro vamos torcer para que o Governo invista em projetos para modernizar os sistemas de alertas. Mas não devemos apenas investir para poupar vidas, mas também investir para que muitas famílias não percam suas casas e bens preciosos. Isso só poderá acontecer quando o Governo investir para retirar famílias de lugares de risco e favelas para levar para lugares mais dignos. Além de proibir construções de casas irregulares e principalmente regulares nesses locais. O Rio fez isso quando acabou com os cortiços e já mostrei aqui provas financeiras que é mais viavel investir nisso do que investimentos em prevenções, favelas-bairro, UPP, entre outros.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 23 de Janeiro de 2011

sábado, 22 de janeiro de 2011

Cyndi Lauper no Rio de Janeiro

Cyndi Lauper volta ao Rio de Janeiro depois de marcar uma década

http://oglobo.globo.com/fotos/2011/01/19/19_MVB_cult_cyndi.jpg

Ela não é do meu tempo, mas marcou uma década ou talvez até um século, onde suas músicas são lembradas por muitas gerações em pleno 2011. Ela foi a única que pode ser realmente comparada a estrela Madonna e ganhou fans que muitas celebridades sonham em ter. Ela é Cyndi Lauper.

Suas maiores músicas - os fans que me corrijam se eu estiver errado - são "Girls Just Want To Have Fun", "True Color", "All Trought The Night" e "Time After Life". Agora ela lança seu novo disco, "Memphis blues".
- Espero chegar aí com mais um Grammy. - Diz ela.
Ela se apresentou no Brasil em 1989, 1994 e 2008. Nesse ano ela chega no dia 19 de fevereiro em Recife, cantando no dia seguinte no Rio de Janeiro, além de outros shows em São Paulo, Goiânia, Cuiabá, Brasília e Porto Alegre.

O show no Rio de Janeiro acontecerá no Vivorio, zona sul da capital fluminense.

Cyndi já vendeu milhões de discos na carreira e continuou uma influência para muitas novas cantoras. Entre elas, Lady Gaga.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 22 de Janeiro de 2011

R$ 36 milhões para evitar as mortes na Região Serrana

Investimento de R$ 36 milhões evitaria tragédia na Região Serrana do Rio de Janeiro

http://geocities.ws/saladefisica5/leituras/raios70.jpg

Um investimento de apenas R$ 36 milhões já seria o suficiente para evitar as centenas de mortes já registradas na Região Serrana do estado do Rio de Janeiro em decorrência de fortes chuvas que ocorreram esse ano.

Não sou eu quem afirma isso, mas o próprio secretário de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), Luiz Antônio Barreto de Castro, na reunião da Comissão Representativa do Congresso convocada para discutir o assunto nesta quinta-feira.
"Se nós gastarmos adequadamente R$ 36 milhões ao longo deste ano, não morre ninguém no ano que vem", disse Luiz Barreto de Castro. Conforme o secretário, que já teve anunciada sua substituição no cargo.

O pior de tudo que já foi pensado de incluir esse investimento no famoso Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), mas o projeto foi por água abaixo, assim como o desastre na Região Serrana.

O próprio Ministro do Planejamento comentou que tentou colocar um projeto piloto similar no PAC 2, mas até agora não obvete respostas, nem do próprio Ministério.

Até a Venezuela utiliza esse projeto há mais de 10 anos, com um sistema de radares e uma "sala de situação", com especialistas observando as mudanças 24 horas por dia e fazendo ligação direta com a Defesa Civil. No Brasil além de não ter o tal radar, ainda nada se faz contra a construção de casas em encostas, e eu não falo só de favelas, mas até de casas com autorização do governo.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 22 de Janeiro de 2011

Atual audiência dos programas da TV seria reflexo da atual imaturidade do povo brasileiro?

Brasileiro, o telespectador infantil

http://2.bp.blogspot.com/_YAwAlPDQyvg/TNl1Sp3gaEI/AAAAAAAAASk/b8lyNS-L8qU/s1600/tv.jpg


(Ale Rocha) Lá se vão pouco mais de 60 anos desde a sua estreia. No dia 18 de setembro de 1950, em São Paulo, a TV Tupi foi a primeira emissora de televisão brasileira. Porém, apesar de sexagenária, boa parte de sua audiência parece continuar na primeira infância, fase que compreende do nascimento aos três anos de idade e é marcada pela dependência de terceiros, pelo egocentrismo e a repetição de gestos e hábitos para se sentir segura.

Os exemplos mais recentes desta imaturidade foram o fim de “Passione”, a estreia de “Insensato Coração” e o retorno do “Big Brother Brasil”.

Um dos poucos autores que ainda tem meu respeito, Silvio de Abreu quase não ousou em “Passione”. Bons tempos em que ele brincava com as regras do folhetim, como em “Guerra dos Sexos”, “Sassaricando” e “A Incrível Batalha das Filhas da Mãe no Jardim do Éden”. O único abuso e afronta de “Passione” foi a pedofilia. O autor merece elogios por tratar de forma escancarada um tema tão delicado, e ainda contar com a excepcional atuação de Daisy Lucidi, a ‘velha porca’ Valentina Miranda.

Silvio de Abreu cedeu de vez ao comodismo em “Passione”. Não foi uma novela fraca, mas a trama ficou bem aquém de seus trabalhos mais recentes. O autor requentou sua fórmula de sucesso – thriller e comédia, com toques de melodrama. Funcionou, mas sem a magia de “Torre de Babel”, “A Próxima Vítima” e “Belíssima”.

O público notou a falta de criatividade de Silvio de Abreu. Nas redes sociais, milhares de telespectadores ficaram descontentes com o encerramento da trama. Porém, mesmo assim ofereceram uma audiência estrondosa para o último capítulo de “Passione”. Média de 52 pontos, com 75% dos televisores ligados sintonizados na novela.

Começa “Insensato Coração”. Gilberto Braga não é mais o mesmo. Seu texto está pobre. Logo nos primeiros capítulos, o autor já estabelece quem são os mocinhos e os vilões. Não há mais uma análise moral e ética dos personagens, como em “Vale Tudo”, atualmente em exibição na TV paga, ou em “O Dono do Mundo”.

A audiência mais uma vez nota o comodismo do autor, mas nem por isso deixa de prestigiar a novela. Na estreia, marcou 37 pontos, mesma média do início de “Passione”. Os telespectadores voltam a se comportar como uma criança na primeira infância.

Mas é com o “BBB’ que o telespectador brasileiro expõe por completo sua imaturidade. Há anos, boa parte da audiência repete a mesma ladainha. Dizem que o reality show é uma perda de tempo, que a televisão deveria investir em programas educativos e que a Globo contribui para a ignorância da população, entre outras bobagens panfletárias.

A campanha mais recente defende a troca do “BBB” por um livro. Ora, eu posso ler e assistir ao reality show. Que crime há nisso? Quem adere a essa pretensa campanha educativa quer apenas posar de intelectual. Sejamos sinceros: ninguém trocará o “BBB” por um livro. Nem mesmo por programas educativos.

Fosse assim, neste momento a TV Cultura e a TV Brasil estariam arrebentando na audiência. Apenas falácia de telespectadores que desejam parecer superiores aos demais, mas que no fim revelam seu comportamento infantil. Se sentem os donos da razão, precisam da aprovação de terceiros (olhem para mim, sou intelectual!) e dão sua espiadinha escondida no reality show. Afinal, quem não assiste ou pouco se importa com o “BBB” sequer se manifesta. Lê seu livro, vai ao cinema, ouve música ou dorme sem carregar bandeira alguma.


Texto de Ale Rocha (Colunista da Yahoo).
Publicado nesse blog em 22 de Janeiro de 2010

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Pedro Abramovay perde o cargo no Ministério da Justiça

Secretário que afirmou ser a favor do fim da prisão de traficantes é dispensado do cargo

http://oglobo.globo.com/fotos/2011/01/10/10_MVB_DROGAS_ABRAMOVAY.jpg

Há um tempo esse Blog publicou uma noticia onde o secretário Nacional de Política sobre Drogas, Pedro Abramovay, declarou ser a favor do fim da prisão de pequenos traficantes. A noticia deu o que falar e foi muito comentado entre grupos e juventudes políticas.

Por isso agora informamos que Abramovay perdeu o cargo no Ministério da Justiça. A informação foi anunciada pelo próprio ministro Cardozo. Paulina do Carmo Arruda Vieira Duarte assumirá o cargo.


Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 21 de Janeiro de 2011

Filha de José Sarney na mira da Wikileaks

Família Sarney continua roubando dinheiro e tal família continua no poder sem ser punido.

http://t1.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcRaJ4YOrZLyIJSd7q0hQ3p5mAyrTFcBXG4n5eXabHBdnhiFnuYW&t=1


Muitos dizem por aí que a ditadura terminou. Realmente a ditadura militar terminou, mas será mesmo que não vivemos uma nova ditadura imposta? Afinal, pilantras continuam no poder mesmo desviando milhões dos impostos mais caros do mundo que só o brasileiro paga, mesmo tendo um dos salários mais ridículos do mundo onde a cada R$100,00 de aumento de salário do Governo Lula vem muito mais de inflação a ser paga. No dia que o salário mínimo for R$1000,00, logo cada pão francês deverá custar no mínimo uns R$10,00. Sem contar que os deputados brasileiros ganham muito mais (às vezes mais que o dobro) a parlamentares na Europa, Argentina e até América do Norte.

Liberdade? Eu não acredito nesse ponto, já que o brasileiro vive cada vez mais com medo de sair nas ruas já que o Governo Federal cada vez assina mais leis que beneficiam aos bandidos ao invés de beneficiar a população, sem contar a saúde de péssima qualidade, educação muito inferior a comparada inclusive da Época dos Militares, entre outras coisas.

Uma sociedade livre? Somos obrigados a sermos mesários praticamente de graça, obrigados a votar, caso o Brasil entrar em guerra somos obrigados a ir à guerra, qualquer protesto pacífico somos recebidos com gás lacrimogêneo. Os mais pobres não tem direito as melhores universidades públicas, criticar as forças armadas é crime, se você achar petróleo no quintal da sua casa tal petróleo pertencerá ao governo. E o pior de tudo que a constituição afirma que aqueles que são a favor do separatismo devem ser presos.

O símbolo da Justiça Brasileira é uma mulher com os olhos vendados. O que melhor simbolizaria um país onde a justiça é cega?

Eu já citei aqui várias vezes esquemas de corrupção e desvio de dinheiro com ligação a família Sarney. Onde será que está José Sarney? Se você disser preso, a resposta está errada, porque ele é simplesmente o atual presidente da Câmara dos Deputados em Brasília. Além de ter uma cadeira na Academia Brasileira de Letras, onde seu nome está ao lado de artistas como Machado de Assis, José de Alencar, José Bonifácio, Raquel de Queiroz, Miguel Couto, Dias Gomes, entre outros . Vale lembrar que Monteiro Lobato, Carlos Drummond de Andrade, Cecília Meireles, Clarice Lispector, Vinícius de Moraes e Mário Quintana foram considerados "não a altura" da ABL, mas Sarney sim. Isso não seria ridículo e símbolo de manipulação?

Ontem foi a primeira vez que eu comentei nesse Blog sobre algo da WikiLeaks. Nem completou 24 horas e já apareceu outra noticia relacionada à corrupção dos nossos políticos. Dessa vez aparece a atual governadora do Maranhão e filha de José Sarney: Roseana Sarney (PMDB). O site revela que Roseana Sarney e o marido fizeram operações secretas nas ilhas do canal e ilhas Virgens, dois dos mais conhecidos paraísos fiscais, onde ambos fizeram lavagem de dinheiro e sonegação.

E onde será que tal família continuará nos próximos anos? No mesmo lugar, porque a justiça brasileira é cega e protege aos bandidos ao invés da população. Enquanto isso nossos impostos ficarão cada vez mais caros para bancar esses homens e mulheres que o nosso próprio país escolhe nas eleições a cada dois anos. Claro que não são todos os políticos que são imprestáveis, mas o brasileiro tem uma queda (ou até masoquismo) a gostar da situação que nosso país se encontra.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 21 de Janeiro de 2011

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

José Dirceu na mira da WikiLeaks

WikiLeaks obtém documento sugerindo que José Dirceu esteve em esquema de corrupção do Caixa 2

http://4.bp.blogspot.com/_Zlz4enJSzDk/TMBWSVTwyzI/AAAAAAAAH2Q/rxHVRoYcDPw/s1600/jose-dirceu.jpg

O Blog do Rafael Oliveira (Rio de Janeiro) nunca comentou sobre o WikiLeaks, mas os leitores de noticias internacionais provavelmente já sabem o que é. O WikiLeaks é um grupo transnacional sem fins lucrativos que publica em seu site algumas fontes anônimas em formato de documentos, fotos ou qualquer outro tipo de informação considerada confidencial, seja do governo de algum país ou de alguma grande empresa.

Nos meus outros blogs e colunas já comentei alguns exemplos. Uma delas seria que Brasília estaria na lista de possíveis atentados terroristas. Outra seria que os Estados Unidos pediram para que o Brasil ajudasse o Afeganistão. Também há informações de um deputado brasileiro (Heráclito Fortes) que gostaria de produzir armas para ajudar os Estados Unidos. Também há informações sobre o fato dos EUA acharem 'débil' reação do Brasil em relação a Bolívia. Entre outros assuntos. Mas também apareceram coisas ainda mais negativas como o fato do Brasil estar na rota das drogas, mas também coisas positivas como o fato do Brasil ter negado a pressão dos EUA para aceitar a Alca e o fato do Brasil ter sido contra a ajudar a guerra do Afeganistão.

Dessa vez aparece o famoso político José Dirceu, atual presidente do PT, partido de Lula e Dilma, além de ser o maior partido em participação no Brasil. Ele também foi Ministro da Casa Civil durante a Era Lula, afastado por corrupção.

O WikiLeaks publicou um telegrama onde Dirceu conversa com um funcionário do Departamento de Estado dos Estados Unidos (Bill Perry) sobre a criação de caixa dois no Brasil. Vale lembrar que Dirceu nega ter participado de tal esquema de corrupção, obviamente.

Dirceu também teria confirmado em outro telegrama divulgado pelo WikiLeaks o fato de ter usado o dinheiro do Caixa Dois em campanhas pessoais e incluiu TODOS os políticos como usuários da prática, durante um almoço com amigos e um diplomata do Consulado de São Paulo.





O nosso blog não poderia também se esquecer de lembrar aos leitores que foi por José Dirceu (entre outros) que Fernando Gabeira sequestrou o ex-embaixador dos Estados Unidos, usando o diplomata norte-americano como refém para que o governo brasileiro retirasse Dirceu (e os outros) da prisão. O embaixador foi agredido com uma coronhada na cabeça ao tentar escapar, mas saiu vivo, onde foi embora do Brasil e mesmo sendo fluente em português, espanhol, francês e alemão, desistiu da carreira internacional devido ao trauma. O embaixador morreu em 1983, por derrame cerebral.


Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 20 de Janeiro de 2011

ENEM continua dando problemas

Enquanto ENEM continua tendo problemas, presidente entra de férias fechando as inscrições do SISU e desejando que haja dois exames por ano

http://steniourbano.files.wordpress.com/2010/11/enem.jpg

O novo ENEM é só problemas. Os alunos que o digam. Muitos problemas tem acontecido com os novos exames do Governo Federal que avalia os estudantes de todo o Brasil. Porém podemos já dar nota zero para o nosso Ministério da Educação.

Pior que o próprio ENEM, apenas o o SISU (Sistema de Seleção Unificada), onde alguns alunos aprovados no ENEM ficarão sem estudar graças ao fracasso do sistema. Sem contar que muitas pessoas reclamaram de suas redações anuladas pelo fato de um número restrito corrigir várias provas ao mesmo tempo. Os alunos aprovados não conseguem efetuar a inscrição no site oficial, mesmo aqueles com conexão banda larga de alta velocidade.

Um aluno do Rio de Janeiro - não aprovada pela redação - foi o único até agora que entrou na justiça pedindo a vista de prova (com a liberação da justiça), já que o edital proíbe o aluno a recorrer a tal artifício.
- É uma violação à constituição não ter acesso à prova nem à correção. O grande problema. O maior problema é o prazo da inscrição, que termina nesta quinta-feira. Mas o juiz disse que a prova será corrigida e, se ela obtiver pontos para conseguir a vaga, vai ter inscrição mesmo fora do prazo. Estou tranquilo, pois a decisão judicial foi favorável - Declarou os advogados desse estudante carioca.
Mas são muitos ainda os problemas do SISU. Mesmo assim o Ministério da Educação acaba de divulgar nota informando que vai encerrar nesta quinta-feira às 23h59 o processo de inscrição via SISU. Apenas os alunos do Rio de Janeiro terão até o dia 26 de Janeiro para fazer as inscrições, devido a uma liminar da Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

O melhor ainda é o fato do Ministro da Educação, Fernando Haddad, entrar de férias no próximo sábado, no meio desse grande problema onde muitas pessoas esperam para entrar para uma universidade no próximo mês.


Não bastava os problemas de um governo que não consegue administrar um exame nacional. Agora o Ministério da Educação quer dois exames por ano. Isso mesmo: MEC quer realizar dois Enems em 2011. Um exame no primeiro semestre, provavelmente em maio, e outro no segundo, em outubro.



Porém a situação dessa grande bomba realmente serve para mostrar a deficiência da educação brasileira, considerada por órgãos internacionais como uma das piores do mundo.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 20 de Janeiro de 2011









Complemento da noticia (21 de Janeiro de 2010):
(Rafael Oliveira - Rio de Janeiro) De acordo com a reportágem do jornal O GLOBO, O Ministério da Educação não cumprirá a determinação da justiça do Rio de Janeiro por não saber o que fazer para acatar a decisão da Justiça fluminense. O pior que eu acreditava que a incompetência do Governo Federal na educação (saúde, transporte, segurança e tudo mais) não poderia ser pior. Claro que eu fui irônico nesse comentário ao qual eu acreditava.

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Show da ex-vocalista do Nightwish no Rio de Janeiro

Tarja Turunen fará show no Rio de Janeiro em Março

No dia 13 de março a filandesa Tarja Turunen (ex-vocalista do Nightwish) desembarca na cidade do Rio de Janeiro. Reconhecida pela sua voz e pelo estilo rock-opera seu último clipe Until My Last Breath alcançou o primeiro lugar na MTV brasileira. O show acontecerá na Fundição Progresso, na Lapa. Os ingressos já estão a venda e levando 1 kg de alimento não perecível você paga meia entrada.

BILHETERIAS DA FUNDIÇÃO PROGRESSO - 2220-5070
De segunda à sexta, das 10h às 13h30 e das 14h às 18h.
Sábados (somente em dias de show) a partir das 12h.

AONDE MAIS POSSO COMPRAR?
Lojas South
Barra Shopping – 2431-8909
Botafogo Praia Shopping – 2237-9275
Plaza Shopping Niterói – 2620-6769
Ilha Plaza Shopping – 2463-7521
Iguaçu Top Shopping – 2666-7701
Shopping Tijuca – 2234-3801
Nova América – 3277-3060
Lojas Banco de Areia
Shopping Leblon – 2239-3444
Rio Sul – 3873-0969
Loja Rash Comércio Varejista
Portuguesa - Ilha do Governador

Para acompanhar informações sobre o show você pode acessar o site da cantora aqui no Rio de Janeiro: www.winterstormrj.com.

Texto escrito por André Muraro, Blog do Rafael Oliveira, 19 de Janeiro de 2011

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Bienal carioca, maior evento estudantil do Brasil, já começou

Maior Festival Estudantil da América Latina começa hoje

http://nowscape.com/rio/janeiro.jpg

O Rio de Janeiro é a verdadeira capital nacional em diversos temas, como cultura, lazer e turismo. Não apenas do Brasil, mas da América Latina.

O Rio de Janeiro abre uma série de megaeventos desta década. Agora, o maior festival estudantil da América Latina, abre suas portas hoje no Aterro do Flamengo e outros espaços da capital entre os dias 18 e 22 de Janeiro.

Cerca de 10 mil jovens de todas as regiões do Brasil e também do exterior participarão de intensa programação de atividades culturais, científicas e esportivas, oficinas, atos políticos e uma seleção de grandes shows.

A Bienal da UNE completa também 12 anos de experimentação e valorização da identidade nacional e contará com várias atividades integradas como:

13º CONEB DA UNE - Ocorrerá entre os dias 15 a 17 de janeiro, na UFRJ (Campus da Ilha do Fundão) e no Riocentro. Esse será apenas um dos principais fóruns do movimento estudantil brasileiro, o 13º Conselho Nacional de Entidades de Base (CONEB), onde haverá conferências, debates, grupos de discussão e plenárias.

1º ENCONTRO NACIONAL DE GRÊMIOS ESTUDANTIS – Esse já acontecerá no campus da UERJ e deverá reunir milhares de estudantes de várias escolas do Brasil contando com palestras, oficinas, atividades culturais e esportivas.


Para participar, basta fazer a sua inscrição individual no site www.une.org.br. A inscrição individual para a Bienal da UNE dará direito a alojamento e acesso livre a toda a programação.

Valor integral – R$ 100

Inscrição até 17/12 - R$ 30,00

Inscrição de 18/12 a 31/12 - R$ 40,00

Inscrição de 01/01 a 13/01 - R$ 50,00

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 18 de Janeiro de 2011

Al Gore relaciona desastre no Rio a Aquecimento Global

Al Gore relaciona enchentes no Rio de Janeiro ao aquecimento global

http://www.urubatan.com.br/uploads/100-al-gore-2005.jpg

O ex-vice presidente dos EUA e um dos maiores ecoativista do mundo, Al Gore, relacionou nesta as enchentes do Rio de Janeiro com o aquecimento global. Ele também citou as tragédias que atingiram Paquistão, Austrália, Colômbia e até sua cidade natal de Nashville, nos EUA.

Al Gore recebeu o título de personalidade do ano da revista Time em 2007 e não é a primeira vez que exemplifica o Rio de Janeiro em suas palestras, incluindo muitos elogios pelos investimentos em ecologia na cidade.

Mas isso explicaria apenas o número de chuvas nessa cidade. Al Gore só não comentou que não podemos ignorar o fato do despreparo do governo brasileiro em relação a medidas para prevenir desastres, além da grande quantidade de pessoas que moram em áreas de riscos no Rio de Janeiro. A mãe natureza realmente tem parcela de culpa no desastre, mas o culpado das destruições e mortes já vai muito além. Sem contar que "os governos" também tem parcela de culpa pelo aquecimento global, segundo o próprio Al Gore.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 18 de Janeiro de 2011

Rali Dacar no Rio de Janeiro

Rali Dacar 2012 poderá largar do Rio de Janeiro

http://www.africanidade.com/content_images/5/rali-dakar.jpg


O Rio de Janeiro continua sendo ponto mundial das diversas modalidades de esportes. Dessa vez o Rali Dacar 2012 pode ter seu trajeto alterado, com a largada acontecendo no Rio de Janeiro.

O Rio de Janeiro já apresentou uma carta de intenções à ASO, responsável pelo Dacar, para receber a largada do próximo ano. Mas, por enquanto, a chance divide os brasileiros entre o otimismo e a precaução.
“A gente ouve muita especulação, de que talvez a largada seja no Rio, mas não tem nenhuma confirmação do governo brasileiro. Eles (organizadores) têm até o dia 29 para fechar onde vai ser a largada do próximo Rali Dacar. Todo mundo que encontra brasileiro vem perguntar como vai ser, se realmente vai ser lá, e a gente não sabe ainda, porque não tem uma confirmação oficial”, explicou Maykel Justo, da Equipe Petrobras.
Porém, mesmo se o evento não acontecer em 2012, acontecerá em 2013 -ou pelo menos com grandes chances - segundo os organizadores. Ainda não há informações do local que acontecerá o evento.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 18 de Janeiro de 2011

Poupa Tempo São Gonçalo em 2011

São Gonçalo Shopping ganhará unidade da Poupa Tempo nesse ano

http://cdn.buzznet.com/assets/users9/marianenrj/blogse/s-o-gon-alo-shopping--large-msg-113639083391-2.jpg

Um dos leitores do nosso Blog questionou como anda o projeto do Poupa Tempo em São Gonçalo. O Blog do Rafael Oliveira então responde.

Sérgio Cabral - e sua equipe - mais uma vez atrasa um dos seus projetos. O Poupa Tempo era para ser inaugurado em Dezembro de 2010, porém as obras ainda continuam.

Da última vez declaramos que não havia ainda um local certo para ser a unidade gonçalense do Rio Poupa Tempo. O Governo Estadual já confirmou que a unidade será localizada no shopping São Gonçalo Shopping Rio.

A previsão de inauguração está para Abril desse ano, com um espaço de 4.500 m² e atendimento de 4.5 mil pessoas por dia, oferecendo serviços como emissão de carteira de identidade, carteira de trabalho, habilitação, abertura e registro de empresas, informações sobre previdência social, receita federal, direitos do consumidor, entre muitos outros.

Já existem unidades do programa em Bangu (Bangu Shopping), no cento do Rio ('Rua da Ajuda' e 'Praça Cristiano Ottoni') e em São João do Meriti (Shopping Grande Rio).

O São Gonçalo Shopping também receberá em breve uma unidade da Kalunga.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 18 de Janeiro de 2011
Foto de marianenrj

All Time Low no Rio de Janeiro

Banda 'All Time Low' fará show no Rio de Janeiro

http://t3.gstatic.com/images?q=tbn:fVv7yW_EaJqAzM:http://www.livethescene.com/news/images/all%20time%20low.jpg&t=1

Um dos grupos de pop-punk que mais influenciam os adolescentes norte-americanos chegará em breve ao Rio de Janeiro, abrindo a primeira turnê no país. Trata-se da banda All Time Low.

O grupo de Maryland tem influências do Blink 182. O mais novo álbum deles foi lançado em 2009 e atingiu o quarto lugar na Billboard 200.

A banda chegará ao Rio na próxima quarta-feira. Eles estão animados em conhecer o Rio de Janeiro, descrevendo a grande vontade de conhecer as mulheres e praias.

O grupo RESTART já plagiou algumas músicas da banda como "The beach" e "Dear Maria count in me", porém o grupo norte-americano afirmou sentir-se honrado que grupos brasileiros se inspiram neles, e manifestou a vontade de conhecer o grupo paulista.

O show acontecerá no Vivo Rio no dia 19 de Janeiro. O guitarrista promete fazer muitas "loucuras" no palco.

Haverá também shows em Florianópolis (dia 20), Campinas (21), Belo Horizonte (23), Guarujá (24), Porto Alegre (27), Curitiba (28) e São Paulo (29).

Tabela de preços no Rio:

Camarote A R$ 280,00
Camarote A – Meia R$ 140,00
Camarote B R$ 220,00
Camarote B – Meia R$ 110,00
Pista Superior R$ 140,00
Pista Superior – Meia R$ 70,00
Pista Vip R$ 280,00
Pista Vip – Meia R$ 140,00
Pista 1º Lote R$ 140,00
Pista 1º Lote – Meia R$ 70,0

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 18 de Janeiro de 2011

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

NYT culpa governo pela tragédia na Região Serrana

Reportagem do The New York Times revela que as tragédias relacionadas as chuvas no Brasil é consequência da má vontade do Governo.

http://oglobo.globo.com/fotos/2011/01/13/13_CAA_chuvas_arrasam_rio1.jpg

A reportagem do jornal The New York Times confirma o que eu comentei na última reportagem desse Blog sobre a real culpa das destruições causadas pela chuva que já matou mais de 700 pessoas só no Rio de Janeiro.

A reportagem relata a opinião de um grupo de especialistas. A primeira foi uma professora da Universidade Católica de Louvain, em Bruxelas - que dirige um centro de catástrofes, ligado à Organização Mundial da Saúde (OMS). Ela declarou que acredita que é falta vontade política e priorização da pauta "gestão das inundações" por parte das autoridades públicas brasileiras.

Os especialistas fizeram uma relação com um problema similar que também aconteceu no início desse ano na Austrália. A Austrália também sofreu com fortes inundações, porém a quantidade de mortes foi bem menor que a do Brasil, onde em toda Austrália morreu 28 pessoas. A comparação revela "uma grande lacuna na preparação dos países e das suas políticas de gestão de inundações". A última vez que a Austrália passou por uma chuva tão intensa foi em 1970, porém o Governo local investiu para evitar problemas futuros, diferente do Brasil.

"Em um país como o Brasil, que não é um país pobre, onde as competências tecnológicas e os recursos não são realmente um problema, um grande número de pessoas morrendo em inundações não é um bom sinal", disse Debarati. O Brasil carece, segundo ela, de "vontade política e de priorização, por parte das autoridades públicas, da questão da gestão das inundações".

Os leitores desse blog também sabem que o Brasil aparece na lista de um dos países mais corruptos do mundo, logo vemos para onde vão as verbas que deveriam prevenir acidentes e mortes. Sem contar que o próprio Brasil "investe" para construir casas em encostas, morros e favelas, por isso acontece essas coisas, já que sempre que alguém quer acabar com essas casas em locais impróprios - seja em favelas ou de classe alta - há muitos que são contra.

A reportagem do jornal norte-americano também lembra a citação que também postei nesse Blog durante essa semana, lembrando que o Brasil é um país de tamanho continental, abençoado por Deus, por não sofrer com grandes problemas climáticos como terremotos, tornados, furacões, nevascas e vulcões em erupção.

A reportagem traz uma entrevista com Margareta Wahlstrom, secretária-geral adjunto das Nações Unidas, especialista em Estratégia Internacional para Redução de Desastres. Ela lembrou que o Brasil é um país de dimensões continentais abençoado por não ser ameaçado por desastres naturais como, por exemplo, terremotos, tornados, furacões, nevascas e vulcões em erupção.

Debarati Guha Sapir informa que o Brasil sofreu 37 inundações catastróficas desde 2000. "Sete ocorreram em 2009 e quatro, em 2008. Os desastres relacionados com a chuva afetaram cerca de cinco milhões de pessoas durante as últimas duas décadas", disse ela.

Ano passado 280 pessoas morreram em todo Estado do Rio de inundações e deslizamentos de terra no ano passado. Já em São Paulo o número chegou a no mínimo 75 mil. Também não podemos nos esquecer das 130 pessoas que morreram durante as fortes chuvas em Santa Catarina, em 2008.

Infelizmente enquanto o Brasil não dar um basta e trouxer investimentos nessa área, esse número só irá aumentar. O NYT resumiu isso como "falta de vontade política", eu aprovo.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 17 de Janeiro de 2011

sábado, 15 de janeiro de 2011

Desastre na Região Serrana do Rio de Janeiro

Noticia completa sobre as chuvas que acometeram a Região Serrana

http://oglobo.globo.com/fotos/2011/01/15/15_CAA_rio_friburgo3.jpg

Todos aqui já conhecem a triste história que aconteceu na Região Serrana do Rio. Até o momento mais de 600 pessoas já morreram, além de muitos feridos e vários desabrigados. Uma história lamentável que aconteceu em nosso estado, principalmente para as belas cidades de Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo. Porém muito pior que os milhões que serão gastos para a reconstrução das cidades, certamente, são as mortes e a quantidade de desabrigados.

Infelizmente, também, o estado do Rio não é o único a passar por esse sério problema. Minas Gerais e São Paulo também passam por isso.

Aqui no Rio, a cidade com maior número de mortos foi Nova Friburgo, seguido por Teresópolis. Petrópolis aparece logo em terceiro, com menos problemas, mas também graves. Mas não são as únicas.

Segundo a Defesa Civil, em Petrópolis são 3.600 desalojados, e 2.800 desabrigados. Em Teresópolis, 960 desalojados, e 1.280 desabrigados, e em Nova Friburgo 3.220 desalojados, e 1.970 desabrigados. Esse triste incidente já está entre os 10 piores deslizamentos do mundo nos últimos 10 anos em todo o mundo.

Os chefes de estado da República Dominicana, Panamá, Austrália, Alemanha, Espanha, Londres, Portugal, Argentina, El Salvador, Suíça, Venezuela, e muitos outros, expressaram condolências ao Rio. Alguns já se comprometam em enviar recursos para os estados atingidos. A União Europeia e o COI também lamentaram o ocorrido.

Já a ONU agiu com crítica em relação ao Brasil. Debarati Guha-Sapir, diretora do Centro para a Pesquisa da Epidemiologia de Desastres da ONU, é uma das maiores especialistas em desastres naturais em todo o mundo.

"O Brasil não é Bangladesh e não tem nenhuma desculpa para permitir, no século 21, que pessoas morram em deslizamentos de terras causados por chuva." - Declarou Debarati ao afirmar que as mortes relacionadas a enchentes no Brasil não estão relacionadas aos fenômenos naturais, mas sim ao "descaso político."

O Brasil já passou por 37 enchentes nos últimos 10 anos, cada vez sendo mais frequente no Brasil. Segundo a ONU, o Brasil tem dinheiro para investir nessa área e evitar mortes.

"Brasil é um país que já sabe que tem esse problema de forma recorrente. Portanto, não há desculpa para não se preparar ou se dizer surpreendido pela chuva. Além disso, o Brasil é um país que tem dinheiro, pelo menos para o que quer". - Declarou a consultora da ONU.

Uma vez eu já disse aqui nesse Blog que cada deputado brasileiro custa R$10,2 milhões por ano (sem contar o dinheiro desviado) ao contribuinte. Já na Itália o mesmo período custa R$3,9 milhões. Na França, pouco mais de R$2,8 milhões. Na Espanha, cada parlamentar custa por ano R$850 mil e na vizinha Argentina R$1,3 milhões.

Cada deputado brasileiro ganha o que 688 professores com curso superior ganham. Dinheiro que poderia investir em milhões de coisas, desde segurança a prevenção de desastres. O Governo Lula diminuiu os gastos na prevenção de desastres nos últimos anos.

Ela termina dizendo:

"O Brasil praticamente só tem um problema natural e não consegue lidar com ele. Imagine se tivesse terremoto, vulcão, furacões... "

Será que é verdade?

Há regiões atingidas que o Governador, Sérgio Cabral, e o prefeito dessas cidades, incentivavam a construção de casas. Mas não dá pra acusar o governo Lula sem nos lembrarmos do governo FHC que também incentivou a construção em casas em favelas e casas em encostas, legalizando o ato.



Muitos estão sofrendo e passando sérias dificuldades, e podemos fazer algo, diferente dos nossos políticos, para ajudar as famílias que necessitam de ajuda.

Vários órgãos e secretarias do Governo do Estado do Rio entraram na campanha em prol das vítimas das chuvas de Teresópolis, Petrópolis e Nova Friburgo, na Região Serrana, e estão recebendo doações para ajudar os desabrigados.

O leitor Anselmo, do Blog Carioca, enviou-nos uma lista dos locais que recebem doação par ajudar tais famílias.

Entre os artigos de maior necessidade estão água mineral, material de higiene pessoal e doméstica, colchonetes, cobertores e fraldas descartáveis.







Abaixo está a lista dos locais de apoio e onde podemos entregar donativos:

-Fundação para a Infância e a Adolescência (FIA)

Os donativos podem ser entregues nas unidades da Fundação para a Infância e a Adolescência (FIA) da capital, na Rua Voluntários da Pátria, 120, Botafogo, e de Niterói, na Rua General Castrioto, 589, em Barreto.

-Petrópolis (Fundação Leão XIII) – Rua General Osório, 12, 2º piso, Centro;
-Teresópolis (Fundação Leão XIII)
– Rua Josafá Cupelo, 390, Bairro de Fátima;
-Nova Friburgo (Polo da FIA)
– Avenida Julius Antônio Thuller, 480, Olaria.

-Cruz Vermelha Brasileira filial de Nova Iguaçu
Rua Coronel Bernardino de Melo, 2085 , centro – Nova Iguaçu.

Outros Pontos de doação:

- Restaurante Pizza do Pet: Condomínio Mandala – Barra da Tijuca

- Sede do C. R. Flamengo: Av. Borges de Medeiros, 997 – Gávea

- Maracanãzinho: Recebe donativos das 8h às 20h - R. Professor Eurico Rabelo, s/nº – Maracanã - Entrada pelo portão 12A

- Caio Martins: Recebe donativos das 8h às 20h - R. Pres Backer – Icaraí, Niterói Entrada pelo portão principal na Avenida Roberto Silveira, em Icaraí.

- Shopping Downtown: Doações no SAC (bl 12C subsolo) ou no Espaço Cliente (bl 17) - Av. das Américas, 500 – Barra da Tijuca

- Sítio Santa Terezinha: Tel.: (21) 2632-7806 | Cel.: (21) 9379-8727 Est. do Curtume, s/nº – Guapimirim

- Supermercados Pão de Açúcar, Extra, Sendas, ABC Compre Bem e Assaí: Estão recolhendo roupas, remédios, alimentos não-perecíveis, ítens básicos de higiene e colchões, em TODAS as unidades do Rio de Janeiro. Se tiver um no seu bairro, não deixe de ajudar.

- Metrô Rio: Recebe donativos nas estações Carioca, Central, Largo do Machado, Catete, Glória, General Osório, Pavuna, Saens Peña, Del Castilho e Siqueira Campos.

- Bees Office: Posto de doação. R. Teófilo Otoni, 52/sala 1203 – Centro

- FIA (Fundação da Infância e Adolescência): Recebe donativos em 2 endereços, abaixo:

Rua General Castrioto 589 – Barreto, Niterói
R. Voluntários da Pátria, 120, Botafogo

- Fúria Jovem: A torcida do Botafogo arrecada donativos em sua sede (13 e 14/01) e também no Engenhão – Ala Leste (16/01). A sede fica na R. do Acre, 51/304 – Centro.

- Fluminense F. Club: Recebe donativos em sua sede. R. Álvaro Chaves, 41 – Laranjeiras

- C.R. Vasco da Gama: Recebe donativos no dia 15/01, em sua sede, na entrada para as arquibancadas. R. General Almério de Moura, 131 – São Cristovão

- Viva Rio: (21) 2555-3750 e (21) 2555-3785 - R. do Russel, 76 – Glória

- Cruz Vermelha de Curitiba: Donativos para as vítimas das chuvas no Rio e São Paulo. (41) 3016-6622 - Av. Vicente Machado, 1310 – Batel

- Maetê: Av. Visconde de Pirajá, 550/sala 413 – Ipanema

- Jornal Posto Seis: Recolhe donativos. Av. Nossa Senhora de Copacabana, 1133/111 – Copacabana

- Shopping Caxias: Rua Professor José de Souza Herdy, 1216 – 25 de agosto – Duque de Caxias

- Shopping Carioca: Est. Vicente de Carvalho, 909 – Vicente de Carvalho

- Shopping Passeio: R. Viúva Dantas, 100 – Campo Grande

- Shopping Santa Cruz: R. Felipe Cardoso, 540 – Centro – Santa Cruz

- Shopping Grande Rio: Rod. Presidente Dutra, 4200 - São João de Meriti

- Shopping Bangu: R. Fonseca, 240 - Bangu

- Shopping Via Parque: Av. Ayrton Senna, 3000

- Shopping Leblon: Av. Afrânio Melo Franco, 290 – Leblon

- Botafogo Praia Shopping: Praia de Botafogo, 400 – Botafogo – SAC

- Supermarket: Recolhe donativos na loja de Bento Ribeiro. R. Mirinduba, 601 – Bento Ribeiro

- Defesa Civil: Estão recolhendo roupas, remédios, alimentos não-perecíveis, ítens básicos de higiene e colchões. Endereço: Praça da Bandeira, 156 – Rio de Janeiro

- Cruz Vermelha: Estão recolhendo roupas, remédios, alimentos não-perecíveis, ítens básicos de higiene e colchões. Endereço: Praça da Cruz Vermelha, 5 – Centro – Rio de Janeiro

- Batalhões da PMERJ: Todos os batalhões estão recolhendo roupas, remédios, alimentos não-perecíveis, ítens básicos de higiene e colchões. Saiba os endereços aqui.

- Polícia Rodoviária Federal: Nas estradas e Km’s abaixo

BR-116: Km 133 (funciona 24h)
BR-101: Km 269 (funciona 24h)
BR-040: Km 109 (das 8h às 17h)
BR-116: Km 227 (das 8h às 17h)

- Praças de pedágio da BR-040 (Concer):

Duque de Caxias (km 104)
Areal (km 45)
Simão Pereira (km 816)
Sede da concessionária (km 110/JF, em Caxias)

- Restaurante Via China: Três restaurantes estão recolhendo mantimentos e donativos, abaixo:

R. Delfina, 17 – Tijuca
R. conde de Irajá, 288 – Botafogo
Av. Armando Lombardi, 633 – Barra da Tijuca

- Rodoviária Novo Rio: Av. Francisco Bicalho, 1 – Santo Cristo – Rio de Janeiro, no embarque inferior, diariamente até as 17hs.

- Diocese de Petrópolis (43 paróquias): estão recolhendo roupas, remédios, alimentos não-perecíveis, ítens básicos de higiene e colchões. Petrópolis, Teresópolis e Areal.

- Ginásio Pedrão: R. Tenente Luiz Meirelles, 211 – Centro – Teresópolis

- Para quem quer doar em espécie: Campanha “SOS Teresópolis – Donativos” Banco do Brasil – Ag.: 0741 | C/C: 110000-9

- Petrópolis: Doações na R. Aureliano Coutinho, 81 – Centro – Petrópolis

- HortifrutiTodas as lojas Hortifruti recebem donativos. Saiba dos endereços aqui.

- Circo Voador: Durante os meses de janeiro a março, o Circo Voador também será um posto de coleta 24hs. Passe por lá quando for comprar um ingresso: R. dos Arcos, sem número – Lapa

- Grupo Matriz: A partir do dia 13/01, 20% de desconto na entrada para quem levar 1kg de alimento não-perecível em todas as casas noturnas do grupo. Mais informação aqui.

- Itaipava: Igreja Wesleyana (Vale do Cuiabá) e na Igreja de Santa Luzia (Estrada das Arcas)

- Universidade Estácio de Sá – Campus Petrópolis: Posto de coleta. R.ua Bingen, 50 – Bingen

-Unisuam: A Unisuam está arrecadando produtos de higiene pessoal (escova de dente, pasta de dente, toalha, sabonete, álcool em gel) e limpeza (detergente, desinfetante, esponja, pano de chão), além de fósforo e vela. Os postos funcionam das 8h às 21h, em Bonsucesso (Av. Paris, 72) e Campo Grande (Rua Campo Grande, 1.508); e das 15h às 21h, nas Unidades Bangu (Rua Fonseca, 240), Vila da Penha (Av. Braz de Pina, 1.744), e Jacarepaguá (Rua Apiacás, 320).

-Unigranrio: A Unigranrio montou postos de coleta em 12 unidades. Informações pelo 0800-2820007.

-Udesc: A Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) também está solidária. Aceita doações das 13h às 19h, na Avenida Madre Benvenuta 2007, Itacorubi, Florianópolis. Todas as doações serão encaminhadas para a Cruz Vermelha, em Santa Catarina.

- Ponte Rio-Niterói: Sentido Niterói, próximo à praça do pedágio, a CCR Ponte disponibilizou um container para coletar doações

- Restaurante Bem Dito: Os donativos serão encaminhados para a filial em Nova Friburgo no domingo (16/01). Informações: (21) 2710-4397 | Av. Quintino Bocaiúva, 217 – São Francisco

- Igreja Metodista – Também recebe doações. Está localizada na Rua Mariz e Barros, 163 – Centro, Niterói

- Boulevard Shopping São Gonçalo: Av. Presidente Kenedy, 397 – São Gonçalo - (SAC)

- 12º Batalhão da Polícia Militar/Niterói: Posto de coleta 24 hs. R. Jansen de Mello s/nº – Centro, Niterói

- Casa da Amizade/Rotary: R. Murilo Portugal, 1130 – Charitas, Niterói

- Secretaria de Assistencia Social/Maricá: R. Domício Gama, 386 – Maricá. Em frente ao hospital Conde Modesto Leal

- Ministério Público: Recebe doações na portaria do edifício-sede. Av. Marechal Câmara, 370 – Centro, Rio de Janeiro – Segunda a sexta-feira, das 10h às 17h.

- Instituto Estadual do Ambiente: Doações de alimentos não perecíveis, colchonete, material de higiene e limpeza, sobretudo fraldas, e principalmente água. Av. Venezuela, 110 – Praça Mauá, Rio de Janeiro

- Banco Itaú: As agências no estado do Rio de Janeiro também são postos de coleta. Procure a agência mais próxima e faça sua doação.

- Salgueiro: A escola de samba arrecada alimentos não perecíveis, água, roupas e cobertores, na quadra. R. Silva Teles, 104 – Andaraí

- Tijuca Tênis Clube: A sede do clube recebe doações. R. Conde do Bonfim, 451 – Tijuca. Informações pelo telefone: (21) 3294-9300

- AMALeblon: A Associação de Moradores do Leblon criou um posto de coleta de donativos, que podem ser entregues no 23º Batalhão (Av. Bartolomeu Mitre, 905 – Leblon)

- Sesc, Senac e Fecomércio: As unidades do Sesc Rio e Senac Rio e a sede do Sistema Fecomércio-RJ estão coletando água mineral, alimento não perecível, roupas de cama e banho, material de limpeza e de higiene pessoal e colchões para as vítimas das enchentes na região serrana. As unidades do Sesc receberão as doações de terça a domingo, das 9h às 17h. Os pontos de coleta são:

Sede do Sistema Fecomércio – RJ: R. Marquês de Abrantes, 99 – Flamengo (segunda a sexta, 9h às 18h)
Sesc Copacabana: R. Domingos Ferreira, 160 – Copacabana
Sesc Tijuca: R. Barão de Mesquita, 539 – Tijuca
Sesc Ramos: R. Teixeira Franco, 38 – Ramos
Sesc Madureira: R. Ewbanck da Câmara, 90 – Madureira
Sesc São Gonçalo: Av. Presidente Kennedy, 755 – São Gonçalo
Sesc Niterói: R. Padre Anchieta, 56 – Centro
Sesc São João de Meriti: Av. Automóvel Clube, 66 – São João de Meriti
Sesc Nova Iguaçu: R. Dom Adriano Hipólito, 10 – Moquetá
Sesc Teresópolis: Av. Delfim Moreira, 749 – Centro
Sesc Quitandinha: Av. Joaquim Rolla, 2 – Quitandinha, Petrópolis

- Unidades Senac Rio: Horários de coleta das 9h às 19h, de segunda a sexta. Aos sábados, das 9h às 12h.

Niterói: R. Almirante Teffé, 680 – Centro
Copacabana: R. Pompeu Loureiro, 45 – Copacabana
Marapendi: Av. das Américas, 3959 – Barra da Tijuca
Faculdades Senac Rio: R. Santa Luzia, 735 – Centro
Botafogo: R. Bambina, 107

- Unidades Sesi e Senai: Sesi e Senai iniciaram campanha de arrecadação de donativos para as vítimas das chuvas na Região Serrana. Horário de funcionamento das 8h às 17h.

Sesi Barra do Piraí: Av. Mário Salgueiro, 1065 – Bairro Belvedere
Senai Barra do Piraí: R. Alan Kardeck, sem número – Muqueca
Sesi Barra Mansa: Av. Dário Aragão, 2 – Centro
Senai Barra Mansa: R. Senhor do Bonfim, 130 – Saudade
Sesi/Senai Benfica: Pç. Natividade Saldanha, 19 – Benfica
Senai Campos dos Goytacazes: R. Bruno de Azevedo, 37
Sesi Campos dos Goytacazes: Av. Deputado Bartolomeu Lysandro, 861 – Guarus
Sesi/Senai: R. Santa Luzia, 685/5o. andar – Centro, Rio de Janeiro
Sesi Duque de Caxias: R. Artur Neiva, 100 – Bairro 25 de Agosto
Sesi Honório Gurgel: R. Loreto do Couto, 673
Sesi Itaperuna: Av. Dep. José de Cerqueira Garcia, 883 – Bairro Presidente Costa e Silva
Senai Itaperuna: Av. Zulamith Bittencourt, 190/ 1o. e 2o. andar – Cidade Nova
Sesi Jacarepaguá: Av. Geremário Dantas, 342 – Tanque
Senai Jacarepaguá: Av. Geremário Dantas, 940 – Freguesia
Sesi/Senai Laranjeiras: R. Esteves Júnior, 47 | R. Ipiranga, 75 – Laranjeiras
Sesi Macaé: Al. Etelvino Gomes, 155 – Riviera Fluminense
Senai Macaé: Av. Pref. Aristeu Ferreira da Silva, 70 – Novo Cavaleiro
Senai Maracanã: R. São Francisco Xavier, 417 – Maracanã
Senai Mendes: R. Prof. Paulo Sério Nader Pereira, 250 – Centro
Senai Niterói: R. General Castrioto, 460 – Barreto
Sesi/Senai Nova Iguaçu: R. Gerson Chernicharo, sem número – Bairro da Luz
Sesi Petrópolis: Av. Barão do Rio Branco, 2564 – Centro
Senai Petrópolis: R. Bingen, 130 – Bingen
Sesi Resende: R. Marcílio Dias, 468- Jd. Jalisco
Senai Resende: R. Sarquis José Sarquis, 156 – Jardim Jalisco
Sesi/Senai Santa Cruz: R. Felipe Cardoso, 713

Campanha PARADA SOLIDÁRIA da FETRANSPOR

Colocação de ônibus em pontos de grande circulação de pessoas, identificados com faixas com os dizeres “Parada Solidária – Faça aqui sua doação / Desabrigados pelas chuvas” e as logomarcas da Fetranspor e dos parceiros (Prefeitura do Rio, sindicatos etc.)

Todos os sindicatos com participação confirmada

Postos no Rio que receberão as doações:

o Carioca – Ônibus estacionado na Praça da Rua da Carioca – entre o Convento Santo Antônio, Prédio De Paoli e em frente ao ponto da linha 217 – Empresa Vila Isabel

o Cinelândia – Ônibus estacionado na Praça da Cinelândia – em frente ao Teatro Municipal – Empresa São Silvestre.

o Barra – Terminal Alvorada (Administração)

o Ilha do Governador – Região Administrativa da Prefeitura – Rua Orcadas 435 – Atrás Shopping Ilha Plaza – Empresa Ideal

o Ipanema – Praça General Osório – Ônibus estacionado na Rua Jangadeiros, do lado da Praça – Empresa Real

Postos em Caxias/Magé:

o Terminal Rodoviário Plínio Casado (Caxias)

o Terminal Rodoviário do Shopping Center (Caxias)

o Rodoviária de Piabetá Piabetá/Magé)

o Praça da Prefeitura de Magé

Posto em Niterói

o Terminal João Goulart em frente ao posto do Setrerj

Posto em Petrópolis

o Sede do Setranspetro – Rua do Imperador, 100 – Centro (não terá ônibus)

Utilização de pessoas contratadas pela Fetranspor, vestidas com camisetas da campanha, para receber as doações e registrá-las em planilha específicas;

• Os postos de coleta funcionarão de 8h às 20h (menos no primeiro dia, quando o recolhimento terá início às 12h) com dois turnos de atendentes, nos dias 14 a 21 de janeiro. Ao final do expediente, um supervisor validará os dados constantes da planilha, informando aos organizadores para as devidas providências.

• Os donativos arrecadados serão encaminhados para a Cruz Vermelha

CAMPANHA RIOSOLIDÁRIO

Dentre os itens de maior necessidade estão água mineral, alimentos não perecíveis, produtos de higiene pessoal, roupas, cobertores e material de limpeza. Também são necessários colchonetes, fraldas descartáveis, leite em pó, lençóis, utensílios domésticos e brinquedos.

Aos interessados em colaborar, o RIOSOLIDARIO sugere que as doações sejam entregues nos seguintes locais:

- Todos os Batalhões da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro

- Fundação para a Infância e Adolescência – FIA
Rua Voluntários da Pátria, 120 – Botafogo – Rio de Janeiro. Cep: 22270-010

Rua General Castrioto, 589 – Barreto – Niterói. Cep: 24110-160

Ginásio do Maracanãzinho
Rua Professor Eurico Rabelo, s/n – entrada pelo portão 12 A – das 8h às 20h

Ginásio Caio Martins
Av. Presidente Backer, s/n – Icaraí – Niterói – entrada pelo portão principal na Avenida Roberto Silveira – das 8h às 20h.

Nova Friburgo
Postos de pedágio da RJ 116

Petrópolis
Ciep de Itaipava
Estrada União Indústria, 11860 – início da estrada Petrópolis – Teresópolis
Tels.: (22) 2246-8743 / (22) 2246-8744

Teresópolis
Ginásio Pedrão
Rua Tenente Luiz Meirelles, 211 – Centro
Tels.: (21) 2743-1740 / (21) 2742-5381 / (21) 3641-5516

Para quem quiser fazer doações em dinheiro, o RIOSOLIDARIO disponibilizou duas contas da instituição:

RIOSOLIDARIO – Obra Social do Rio de Janeiro

Banco do Brasil
Agência: 1769-8
Conta Corrente: 8105-1
CNPJ: 00517666/0001-11

Bradesco
Agência: 227
Conta Corrente: 106820-2
CNPJ: 00517666/0001-11

ALERJ recebe donativos para vítimas

As doações serão recolhidas no Palácio Tiradentes, no Saguão Getúlio Vargas, diariamente, entre as 10 e as 17 horas.

SESI e GLOBO RIO

O Sesi-RJ e a Globo Rio, através da Rede de Solidariedadedo Sesi/Senai-RJ, mobilizaram unidades espalhadas em diversos municípios doEstado do Rio de Janeiro para o recebimento de doações para as vítimas da chuva.

A Globo Rio divulgará a campanha em sua programação, com o objetivo de estimular doações em unidades Sesi e Senai quevão atuar como postos de recebimento de donativos de toda a sociedade.

Foram doados pela Firjan (Federação das Indústriasdo Estado do Rio de Janeiro) cinco mil kits de material de limpeza, duas mil cestasbásicas, 70 mil litros de água mineral, seis mil colchonetes, seis mil cobertorese cinco mil kits de higiene pessoal, estes últimos cedidos pela Chevron. A Firjan também mobilizou seus mais de cincomil funcionários para que colaborem.

As unidades vão receber, de 8h às 17h:
- material de limpeza: vassoura, pano dechão, sabão em barra, sabão em pó, rodo, detergente e cloro.
- material de higiene pessoal: creme dental, escova de dente, escova de cabelo, sabonete, xampu e condicionador.
- água potável e alimentos não-perecíveis: arroz, feijão, fubá, macarrão, leite em pó, açúcar, café em pó e enlatados.


S.O.S – TERESÓPOLIS – DOAÇÕES EM DINHEIRO:

Prefeitura de Teresópolis
Conta corrente no Banco do Brasil.
agência é a 0741-2 e o número da conta é 110000-9.

Programa de Voluntariado Viva Rio
(Banco do Brasil, agência 1769-8, conta-corrente 411396-9 e CNPJ: 00343941/0001-28).

DOAÇÕES DE SANGUE.
O HEMORIO – 0800-282-0708 – (Rua Frei Caneca, 8 – Centro do Rio de Janeiro),

Ministério Público: O Ministério Público está recebendo doações na portaria do edifício-sede, na Avenida Marechal Câmara, número 370, no Centro. O donativo pode ser entregue das 10 às 17 horas, de segunda a sexta-feira.


Tribunal de Contas do Estado:
O Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) está arrecadando entre seus servidores doações que serão encaminhadas aos desabrigados. Todo o material arrecadado será entregue na unidade do Corpo de Bombeiros da Praça da República, Centro do Rio.


Arquidiocese do Rio:
A Cáritas Arquidiocesana do Rio está recebendo doações em duas contas: Bradesco, Agência 0814-1, conta corrente 48500-4 e Banco do Brasil, Agência 3114-3, conta corrente 30000-4. Doações em espécie podem ser deixadas na Catedral de São Sebastião (Avenida Chile 245, no Centro).

Rio Bonito: A prefeitura está recolhendo donativos e recebendo doação de sangue para as vítimas. As doações podem ser feitas na Praça Fonseca Portela. O sangue pode ser doado no Hemonúcleo, na Rua Martinho de Almeida, número 222, na Mangueirinha, anexo ao Ambulatório Manoel Loyola. Funciona de segunda a sexta-feira no período da manhã.


Estações do metrô:
O Metrô Rio está arrecadando água, alimentos e produtos de higiene pessoal nas estações Carioca, Central, Largo do Machado, Catete, Glória, Ipanema/General Osório, Pavuna, Saens Peña, Botafogo, Nova América/Del Castilho e Siqueira Campos.


Supermercados:
O grupo Pão de Açúcar montou postos de arrecadação em todas as 100 lojas da rede no estado do Rio. As doações podem ser feitas nos estabelecimentos Pão de Açúcar, ABC Compre Bem, Sendas , Extra Supermercados e Assaí. Os donativos serão entregues até 26 de janeiro.


Hortifruti:
A Rede Hortifruti está disponibilizando postos de arrecadação em todas as lojas da rede no Rio de Janeiro para os clientes que quiserem fazer doações. Roupas, roupa de cama, água mineral e alimentos não perecíveis poderão ser entregues no balcão de atendimento. Tudo o que for arrecadado será entregue diretamente nas regiões afetadas por meio do sistema logístico da Hortifruti.

Flamengo: O clube está recebendo donativos na sede, localizada na Gávea.

São Gonçalo disponibiliza 11 pontos de doação
Os endereços:

Cras Centro: Rua Aloísio Neiva, 347 (próximo ao Hospital Menino de Deus).
Cras Engenho Pequeno: Rua Mentor Couto, 925 (antigo Fire Day)
Cras Itaoca: Rua Antônio Leôncio, Lote 33
Cras Salgueiro: Rua Sobral Campos, 101
Cras Alcântara: Rua Uriscina Vargas, 36
Cras Guaxindiba: Rua Aquilino de Carvalho, s/n º (Polo Municipal Guaxindiba)
Cras Santa Izabel: Estrada de Santa Izabel, 95
Cras Tribobó: Rua Alfeu Rabelo, Lote 10, Quadra 04
Cras Vista Alegre: Rua São Pedro, 2 (antiga LBA)
Cras Jardim Catarina I: Rua Visconde de Seabra, s/nº Santa Luzia (E.M. Anísio Teixeira na antiga rua 28)
Cras Jardim Catarina II: Rua Camilo Formige, Lote 06, Quadra 153 (próximo ao Ale na antiga rua 40).

A Secretaria de Governo também está recebendo doações para as vítimas das chuvas. Água mineral e leite em pó são itens importantes para a região, devido ao grande número de crianças desabrigadas. As doações podem ser entregues no quarto andar do prédio anexo do Palácio Guanabara, na Rua Pinheiro Machado s/n, em Laranjeiras.

A Secretaria de Turismo inicia nesta sexta-feira (14/1) outra campanha. A partir das 9h, roupas, agasalhos, cobertores, água mineral, remédios e alimentos não perecíveis podem ser entregues na Rua México 125, centro do Rio. A sede do Inea (Instituto Estadual do Ambiente) também aceita doações na Avenida Venezuela, 110, Praça Mauá. A Fundação Ceperj (Centro Estadual de Estatísticas, Pesquisas e Formação de Servidores Públicos do Rio de Janeiro) recebe artigos de primeira necessidade no endereço Avenida Carlos Peixoto, 54, Sala Djanira, térreo, Botafogo, nos dias úteis, das 10 às 16h.


O Blog do Rafael Oliveira também expressa condolências a Região Serrana. Desejamos toda a sorte para que a vida da cidade e dos cidadãos volte ao mais normal possível e o mais breve possivel.



Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 15 de Janeiro de 2011

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta o nosso site com o facebook e Google+