sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Reforma no Tasso da Silveira

Escola Tasso da Silveira exibe nova fachada



Todos infelizmente ainda se lembram do triste Massacre de Realengo, quando um psicopata decidiu invadir uma escola, matando e ferindo várias crianças e adolescentes. Oito meses já se passaram na Escola Municipal Tasso da Silveira e unidade, que passa por reformas, já apresenta uma nova fachada, além de dois painéis de azulejo.

A escola investiu pesado todas as forças para tentar normalizar a situação passada. Os alunos e os professores participaram de uma oficina de arte, mas a maior novidade é a nova fachada da escola (foto acima), estando agora em uma outra rua.

Todos os estudantes participaram de oficinas de arte, ministradas pela arquiteta e urbanista Laura Taves, durante quatro meses. O resultado são cerca de 1.500 desenhos em azulejos, que exibem amor à escola e mensagens otimistas.

Os funcionários acreditam que o trabalho foi positivo para superar o fato, apesar da ainda existência das tristezas e dores.  Os azulejos com os desenhos individuais dos alunos, dos professores, do diretor e dos funcionários ficarão em um painel de 34 metros de comprimento por 1,70m de altura. Quem passar na rua vai poder ver o trabalho, já que a escola terá grades transparentes.

 Texto escrito e postado por  Rafael Oliveira, 16 de Dezembro de 2011

2 comentários:

  1. Porque para se fazer uma coisa boa, tem que acontecer uma muito ruim na frente ? Se não não tivesse acontecido essa tragedia a Escola Tasso da Silveira, simplesmente estaria esquecida sem nenhuma obra e com os mesmo problemas que muitas escolas municipais atravessam.
    Pena que precisa acontecer desgraças , mortes para as pessoas e governantes se comoverem com a situação e fazer algo . Isso é Brasil , isso é Brasil!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Pena que você não disse o seu nome, mas você disse uma verdade do nosso Brasil. É necessário uma tragédia para ser feito algo nesse país, ao invés de investir na prevenção de tragédias, não apenas em relação a violência, mas em relação a tudo, isso é o Brasil.

    Se não fosse por isso, o Tasso da Silveira não receberia tais investimentos e estaria abandonada, assim como quase todas as demais escolas em todo o país.

    ResponderExcluir

Clique aqui para deixar um comentário. Caso você não tiver uma conta Google, assine o seu nome abaixo.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta o nosso site com o facebook e Google+