terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Jardim Gramacho dá adeus em Dezembro

Aterro de Jardim Gramacho fecha em Dezembro após 35 anos de operação



http://4.bp.blogspot.com/_IazWCNUK8sA/THGzKJf08yI/AAAAAAAAADk/TXOInz0iZZg/s1600/lixo.jpg

O Rio de Janeiro tem se modernizado ao longo das décadas, mas o sistema de lixo continua "quase medieval". A Secretaria Estadual do Meio Ambiente prometeu que em poucos anos o lixo ganhará um destino "melhor".

Não nos esquecemos da promessa do Governo Estadual e depois de 35 anos de operação, o Aterro de Jardim Gramacho, em Duque de Caxias, deixará de funcionar em Dezembro desse ano.

A confirmação teve o apoio da Secretaria Estadual do Ambiente, do prefeito de Duque de Caxias, (Zito), do INEA (Instituto Estadual do Ambiente), da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e da Comlurb

O aterro era o maior da América Latina e os catadores da região receberão um curso de capacitação durante um período de 15 anos, além de bolsa de seguro desemprego. Eu não quero ser pessimista, mas vindo do Governo Estadual (com apoio do Governo Federal), um curso de "15 anos de capacitação" parece ser bom demais para ser verdade. Ou o nosso país caminha para um "primeiro mundo" ou esse curso será de "terceiro mundo".

O Aterro foi criado em 1976 e cerca de e 8 mil toneladas de lixo são vazadas no local por dia. O Aterro de Gramacho será substituído pelo Centro de Tratamento de Resíduos de Seropédica, onde tal aterro receberá todo o lixo da capital fluminense.

Apesar que eu acredito (e o que eu faria) que ao invés de se falar tanto em Novos Aterros, seria ainda mais prático o Estado investir em um projeto de "Usina de Tratamento de Lixo". Seria maior vantagem em questões econômicas, geraria mais empregos e seria bom ao Meio Ambiente e a população fluminense. Além que resolveria o problema do lixo e colocaria o Rio como exemplo mundial a ser seguido, além de ser um sistema de gerador de energia para pequenas regiões.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 15 de Fevereiro de 2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique aqui para deixar um comentário. Caso você não tiver uma conta Google, assine o seu nome abaixo.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta o nosso site com o facebook e Google+