terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Cabral defende o Aborto

Sérgio Cabral declara: "Quem é aqui que não teve uma namoradinha que teve que abortar?"

Certamente Sérgio Cabral é um homem que explode intelecto, orgulho estadual. Há pouco tempo ele deu o que falar quando foi a favor da liberação das drogas, e antes de completar um mês do seu último comentário, ele decidiu continuar falando. Sem contar o palavreado totalmente apropriado ao seu cargo e o fato de dançar "créu" publicamente.

Dessa vez Sérgio Cabral defendeu a legalização do aborto durante um evento que aconteceu em São Paulo. Cabral chamou de "hipocrisia" a falta de discussão sobre o tema. Cabral começou falando que clínicas de aborto já é algo comum no Brasil, então decidiu falar:

- Quem é aqui que não teve uma namoradinha que teve que abortar? - perguntou Sérgio Cabral ao público durante um evento com vários empresários promovido pela revista EXAME.
Logo ao perceber a besteira que falou, ele continuou:
"A gente engravida uma moça... Eu não porque já tenho família e sou bem casado".

Cabral mesmo assim confirmou que o aborto deve ser visto como um problema de saúde pública. E comparou o "aborto" a "democracia". Então voltou a falar comparações sem nexo:

- O Brasil entrou no caminho definitivo da democracia. Vamos aprofundar a democracia, vamos aprofundar os problemas, vamos aprofundar a legislação. E não é 'a' reforma. 'A' reforma nunca vem. É ponto por ponto, 'step by step', melhorando o processo. Mas temos que levar os termos verdadeiros para serem discutidos pela elite brasileira, pela imprensa, pelos empresários e pela classe política
Lembrando que Sérgio Cabral foi convidado para mostrar porque os empresários deveriam investir no Rio de Janeiro.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 14 de Dezembro de 2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique aqui para deixar um comentário. Caso você não tiver uma conta Google, assine o seu nome abaixo.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta o nosso site com o facebook e Google+