sexta-feira, 9 de abril de 2010

Espetáculo Teatral em Cartaz no Rio de Janeiro

Entra em cartaz o musical carioca "Era no tempo do rei" que está amplamente elogiado pela crítica

http://static.panoramio.com/photos/original/4535464.jpg

Em seu último romance, Era No Tempo do Rei, de 2007, o jornalista e escritor Ruy Castro entregou-se ao desafio de recriar livremente – e de forma bem humorada - a história da Corte portuguesa no Rio.

Desobrigado de reproduzir com fidelidade fatos reais, ele solta o príncipe D. Pedro ainda garoto pelas ruas do Centro do Rio, em meio a uma trama cheia de intrigas palacianas e de figuras lendárias como a princesa Carlota Joaquina, o príncipe regente Dom João (futuro D. João VI) e a rainha Dona Maria, a Louca. Tudo isso em pleno Carnaval de 1810. A partir de 12 de março, estes mesmos personagens saltam das páginas do romance e ganham vida no palco do Teatro João Caetano, espaço cultural da Secretaria de Estado de Cultura, no musical dirigido por João Fonseca e embalado por 19 canções inéditas de Carlos Lyra e Aldir Blanc. Com roteiro de Heloisa Seixas e Julia Romeu, o espetáculo tem um elenco com 17 atores, encabeçado por Soraya Ravenle, André Dias, Tadeu Aguiar e Izabella Bicalho, além de Léo Jaime, que interpreta Dom João.

Narrado por Dona Maria, a Louca (Alice Borges), Era no tempo do rei flagra as peripécias dos adolescentes Pedro (Christian Coelho) e Leonardo (Renan Ribeiro) – personagem emprestado do clássico Memórias de Um Sargento de Milícias, de Manuel Antonio de Almeida -, tendo como pano de fundo a Corte portuguesa logo após a sua chegada ao Rio. A amizade (fictícia) entre os dois surge nas ruas da nova sede do Reino, quando o jovem príncipe sai do Paço Imperial (atual Praça XV) e se aventura pela cidade. Personagens reais e imaginários vivem situações históricas ou nascidas da mente de Ruy Castro. “O espetáculo é uma comédia musical, com toques farsescos, mas mantém um contato com a realidade, na medida em que retrata um momento da história que realmente aconteceu”, explica Heloisa Seixas.

A trama apresenta um golpe armado por Carlota Joaquina (Izabella Bicalho) para destituir Dom João (Léo Jaime) do trono. Para a empreitada, ela conta com o auxílio do diplomata inglês Jeremy Blood (Tadeu Aguiar), seu amante. Em um Rio onde a realidade e ficção se misturam, passeiam ainda figuras como o Major Vidigal (Luis Nicolau), o malvado pilantra Calvoso (André Dias) e a prostituta Bárbara dos Prazeres (Soraya Ravenle), personagem que existiu de fato e, na trama, é mostrada como ex-amante do príncipe Dom João. Tanto na peça quanto na vida real, Bárbara chegou ao Rio em 1790 e assassinou o marido para viver com um mulato carioca, igualmente morto por ela. Dali, tornou-se prostituta no Beco do Telles e, reza a lenda, sacrificava criancinhas para alcançar a juventude eterna.






A peça foi muito bem recebida pela crítica, principalmente pelo jornal O GLOBO. O musical estará em cartaz no teatro joão caetano, centro do Rio de Janeiro (Praça Tiradentes). A estréia oficial será no dia 12 de Março, com exibição nos seguintes horários:
Sextas e sábados, às 20h
Domingos, às 18h

Os ingressos custam de R$30,00 (Balcão Nobre e Galeria) a R$40,00 (Platéia). Classificação 12 anos.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 09 de Abril de 2010

Um comentário:

  1. Nos ajude a trazer ERA NO TEMPO DO REI de volta? Visite www.eranotempodorei.tk

    ResponderExcluir

Clique aqui para deixar um comentário. Caso você não tiver uma conta Google, assine o seu nome abaixo.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta o nosso site com o facebook e Google+