quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Fim da Favelização no Rio de Janeiro

Coral e Prefeitura do Rio de Janeiro irão pintar favelas do Rio de Janeiro

http://oglobo.globo.com/fotos/2010/02/23/23_MHG_rio-favela.jpg



Bem, uma das principais degradações visuais da cidade do Rio de Janeiro com certeza são as favelas, principalmente as próximas a edifícios históricos, políticos, administrativos, econômicos e turísticos.

São as famosas casas de tijolo vistas em vários pontos da cidade e que podem ser modificadas em breve pela prefeitura do Rio de Janeiro e a empresa de tintas AkzoNobel (Dona da marca de tintas 'Coral').

O projeto será lançado inicialmente no dia 7 de Abril no Morro Dona Marta, em Botafogo, zona sul do Rio de Janeiro, com apoio do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) e do Governo do Estado do Rio de Janeiro (Através do vice-governador e secretário estadual de Obras, Luiz Fernando Pezão).

A AkzoNobel afirma que o projeto chegará também a outras favelas da cidade, como do Pavão/Pavãozinho (Copacabana), o Morro da Babilônia (Leme), Chapéu Mangueira (Leme), Cidade de Deus (Jacarepaguá) e Morro dos Macacos (Vila Isabel).

- Queremos servir de exemplo para outras empresas. À medida em que surjam grandes grupos públicos e privados interessados em pintar outras favelas também nos propomos a fornecer tinta a preços mais baratos.- disse o holandês Jaat Kuiter, presidente da AkzoNobel Brasil.

A empresa também anunciou que adotou o projeto devido ao fato do Rio de Janeiro ser a futura sede das Olimpíadas de 2016 e que tem interesse de ajudar ao Rio a ser uma das cidades mais coloridas do mundo.

Porém a ideia original veio do ex-prefeito João Carlos Vital que apresentou a ideia em 1952 e que se tornou letra do samba "Favela Amarela" em 1960.

"Favela amarela. Ironia da vida. Pintem a favela. Façam aquarela da miséria colorida" - Cantou Araci de Almeida com a letra que a deu o título de Rainha do Carnaval do Rio de 60.

O ex-prefeito César Maia também já teve este projeto atraves de Alfredo Sirkis (ex secretário municipal de Meio Ambiente) que desejava dar um ar grego nas favelas da cidade. Além de Álvaro Caetano que também queria pintar a favela da Mangueira de verde e rosa.

Esperamos que esse projeto chegue a muitas favelas da cidade, mas apenas pintar casas não é o suficiente, afinal, o Rio precisa de um verdadeiro choque de ordem contra a favelização, acabando com as favelas da cidade, trazendo aos moradores de favelas e não favelas uma vida digna com esgoto, água e eletrecidade de qualidade, mas principalmente conforto e segurança a todos que vivem nessa amada cidade e amado estado.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 24 de Fevereiro de 2010

Um comentário:

  1. Ano retrasado, escrevi para a Coral solicitando apoio para pintar artisticamente a Trilha da Arte no Complexo de Manguinhos. Responderam pedindo que eu entrasse em contato no final de 2010, mas infelizmente, perdi o interesse deduzindo ser rejeitado outra vez. Em janeiro de 2011, caminhando com representantes da FIRJAN no Morro Azul, Flamengo, comentei que a comunidade agora com a "pacificação" quer o embelezamento com tudo consertado e pintado... Acho que essa tipo de apadrinhamento das Tintas Coral em parceria com a Prefeitura do Rio de Janeiro somente proporciona um enorme ganho tanto para o turismo social quanto para todos as classes sociais. Isso é desenvolvimento vivo. Avante Brasil!

    ResponderExcluir

Clique aqui para deixar um comentário. Caso você não tiver uma conta Google, assine o seu nome abaixo.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta o nosso site com o facebook e Google+