sábado, 21 de novembro de 2009

Eduardo Paes comenta sobre futuro do Rio de Janeiro

Prefeito do Rio de Janeiro diz que Rio será Ponto de Referência Mundial após 2016

http://danielleferreira.files.wordpress.com/2009/09/paes.jpg


O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, encontra-se na Suíça para uma conferência de algumas cidades olímpicas dos últimos anos, e anunciou nesta semana que investirá o que for preciso para mudar a imagem do Rio de Janeiro.

Todos nós sabemos que há certas cidades brasileiras (o qual não precisamos citar) que sofrem com grandes problemas de violência, favelização e policiamento e que para a imagem dela não degradar-se, alguns destes cidadãos destas cidades - que realmente são amigas do carioca- investem pesado o tempo e as vezes até dinheiro para que o Rio ganhe esta imagem de cidade violenta. Muitas vezes, estas cidades tem apoio forte da mídia brasileira ou veículos via internet.

Mas, mesmo assim o Rio continua lindo, foi premiado como uma das sete maravilhas do mundo e escolhida como a primeira cidade com competência para sediar olimpíadas na América do Sul (Claro que eu não estou desmerecendo outras).

Paes deseja que estes jogos olímpicos sejam uma marca registrada para um novo futuro para o Rio, o qual transformará o Rio de Janeiro em ponto de referência mundial, não apenas em turismo, mas em cultura, tecnologia e outros atrativos.

"Quero deixar claro qual é a mudança que desejo: o Rio já está na rota turística mundial, mas eu quero que seja como foi com Barcelona, que depois dos Jogos de 1992 se tornou uma cidade moderna, sofisticada, progressista, com glamour", disse o prefeito para a Revista Efe.
Eduardo Paes reafirmou os investimentos na Zona Portuária e afirmou que um dos seus futuros maiores legados será o fato de reverter a degradação de muitos bairros da cidade. Um destes bairros é "Deodoro", o qual será um bairro olímpico e moderno.

A prefeitura também construirá 70 quilômetros de faixas exclusivas para ônibus, sendo que o primeiros trechos ligariam a Barra da Tijuca, na zona oeste carioca, com a zona norte, além de conectar a Barra - onde ficará a maior parte das instalações olímpicas - ao restante da zona oeste.

Eduardo Paes também afirmou que os investimentos na segurança não serão visando os jogos, mas o bem estar carioca, para que a segurança melhore não apenas durante os dias das Olimpíadas, mas que seja um forte legado, o qual mudará a visão mundial do Rio acerca da violência.

"Todos sabemos que o Rio tem problemas de violência, mas não estamos preocupados com a violência durante os Jogos, e sim com a violência na vida cotidiana", explicou Paes

A prefeitura também tem o interesse de ensinar inglês para as crianças da cidade e construir novas vilas olímpicas.fal

Bem, não podemos negar que o Rio tem muitos projetos, resta agora ver os projetos entrarem em funcionamento para vermos o Rio como este grande e futuro ponto de referência global.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 21 de Novembro de 2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique aqui para deixar um comentário. Caso você não tiver uma conta Google, assine o seu nome abaixo.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta o nosso site com o facebook e Google+