sábado, 26 de setembro de 2009

Olimpíadas resolveriam problemas no Rio e melhoraria economia e empregos em todo o Brasil, segundo especialistas

Especialistas afirmam que as Olimpíadas teria forte impacto positivo para o Rio de Janeiro e também para as demais cidades do Brasil

http://2.bp.blogspot.com/_fOJD67rCP10/ScVuQIxm8yI/AAAAAAAAVrk/RfbOFwcgCS4/s400/rio2016.jpg

Falta pouco. Na próxima sexta (Dia 2) o COI (Comitê Olímpico Internacional) elegerá a cidade a ser sede dos Jogos Olímpicos de 2016. E o Rio tem grandes chances de ser a vitoriosa.

Mas mesmo os jogos sendo apenas na cidade do Rio, mas os benefícios seriam para todo o Brasil, segundo especialistas.

A Fundação Instituto de Administração (de São Paulo) avaliou que em todo o Brasil haveria crescimento econômico: Construção civil, 10,5%; imóveis, 6,3%; serviços a empresas, 5,7%; petróleo e gás, 5,1%; informática e comunicação, 5%; e transportes, 4,8%.

Mas o crescimento no país não termina por aí. Os jogos ajudariam no crescimento industrial do Rio, com isso a cidade precisaria de encomendas de produtos de outros estados. E, por isso, as previsões de emprego, salários e arrecadação de impostos são de crescimento para todo o Brasil.

Segundo Roberto Kauffman, aumentando o turismo no Rio, consequentemente, os turistas gostariam também de visitar outras cidades brasileiras, aumento o mercado turístico em todo o país.

Com o isso o Brasil receberia um aumento de R$ 102 bilhões na economia, com reflexos até 2027. O crescimento do emprego no país seria de 20 mil empregos por ano, até 2016 e 130 mil, nos dez anos seguintes, onde boa parte deste número seria para cidades fora do Rio, segundo o ministro do Esporte, Orlando Silva.

Para o Rio, segundo alguns pesquisadores, seria o momento perfeito para a sonhada expansão do metrô na cidade, sem contar que seria fundamental para a mobilidade pela cidade durante os jogos, segundo Carlos Granja, o qual enfatiza o metrô até a Barra.

"Será a solução dos nossos problemas, estou torcendo de pé junto para vencermos essa disputa. Não pelo evento, mas sim pela herança que vamos ganhar, pelas melhorias na cidade que vamos receber", acredita Alexandre Rojas, doutor em engenharia de transportes pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj).
Segundo o COB (Comitê Olímpico Brasileiro) aproximadamente 45% da frota do metrô do Rio serão renovadas.

Outros projetos seriam a reforma dos dois terminais do Aeroporto Internacional Tom Jobim, para atingir a capacidade de 25 milhões de passageiros por ano até 2014; um programa de melhorias nos serviços de ônibus e na rede ferroviária do subúrbio e a conexão entre as duas linhas de metrô existentes hoje no Rio.

Os investimentos na área de transporte do Rio chegariam a US$ 5 bilhões

Na Zona Oeste também, haveria fortes investimentos nas áreas próximas a Deodoro e também para regiões como a de Campo Grande.

E ainda haveria muito mais que o Rio e o Brasil ganharia com os jogos.

Texto escrito e postado por Rafael Oliveira, 26 de Setembro de 2009
Fontes: Jornal Nacional e G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique aqui para deixar um comentário. Caso você não tiver uma conta Google, assine o seu nome abaixo.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta o nosso site com o facebook e Google+