terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Lembrando.... Cine Carioca, Roxy, Cine Glória, Cine América e outros...

Cinema no Rio de Janeiro

http://farm4.static.flickr.com/3158/3078093014_6861ecca70_m.jpg
Foto: Cine Carioca, foto de Rafael Neto
Texto de Rafael Oliveira

Um dos programas favoritos de qualquer carioca é com certeza o cinema.
Hoje nós vamos nos modernos cinemas como UCI, Kinoplex, Cinemark, entre outros.

Mas não podemos esquecer também dos clássicos que marcaram a história de nossa cidade, embora cada dia perde mais sua credibilidade.

Um remanescente é o grande Cine Odeon, localizado no coração da Cinelândia, sendo então nomeada como a Hollywood brasileira, com o famoso Festival de Cinema do Rio de Janeiro, com o grande tapete vermelho que este ano teve a presença de Will Smith e premiações de cinema.

Ainda um outro sobrevivente é o Cine Roxy, localizado em Copacabana, que já teve seus momentos de brilhos e hoje é administrado pelo grupo Severiano Ribeiro, que também administra o Cine Icaraí, o Roxy antes de ser dividido en três partes chegou a acolher até 1 630 pessoas: na parte da frente havia um fosso para a orquestra, e o teto lembrava um disco voador.

Um novo cinema de rua é o Cine Glória que inaugurou ano passado e é essência da Glória. Botafogo é contemplado com o o Espaço Unibanco, o Estação Botafogo, o Unibanco Arteplex .E Ipanema tem o Laura Alvim.

Mas o mais famoso das épocas de ouro do Rio de Janeiro é com certeza o Cine Carioca (na foto), uma referência brasileira, localizada na zona norte, Tijuca, onde lotava e era um dos maiores pontos de final de semana da cidade, com dois andares gigantes e um mega telão, porém a Igreja Universal comprou o prédio e o tornou num ponto de pregação. Já o Cine America teve um final mais triste, se tornou uma Drogaria Pacheco.

"O cinema era o grande evento social na cidade entre os anos 30 e 50", diz o jornalista Toninho Vaz. "Os homens iam de terno e gravata. Quem não conseguia ingresso ficava conversando do lado de fora.", . "Todos eles lembravam os palácios dos filmes de Hollywood".

Com certeza o cinema de rua sempre fará parte da história do Rio de Janeiro, desde sua elegância até as memórias que houveram lá.
Mas seja cinema de rua, ou cinema de shopping, é sempre uma grande diversão, boa pipoca e bom filme a todos...

Texto de Rafael Oliveira, 2 de Dezembro de 2008

Um comentário:

  1. Neste cinema, conheci a mulher que mais amei em toda a minha vida.
    Alessandra rocha de azevedo,onde voce se escondeu, porque nunca mais pude encontra-la?

    ResponderExcluir

Clique aqui para deixar um comentário. Caso você não tiver uma conta Google, assine o seu nome abaixo.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curta o nosso site com o facebook e Google+